Início AMÉRICA DO SUL Turismo no Rio Grande do Sul: top 10 cidades para visitar

Turismo no Rio Grande do Sul: top 10 cidades para visitar

Eclético e cheio de possibilidades, o turismo no Rio Grande do Sul tem um destino ou mais capaz de ganhar seu coração. Tem praia, história, vinhos, gastronomia, patrimônio cultural, cânions e belas paisagens. E tudo isso a curtas distâncias, facilitando um roteirão de 12 ou 15 dias pelo estado gaúcho.

Quer saber quais são as principais cidades do Rio Grande do Sul para visitar? Confira o post até o final e conheça os destinos turísticos mais visitados, atrações, como chegar, quando ir, quantos dias ficar e dicas.

Cidades do Rio Grande do Sul: 10 destinos turísticos imperdíveis

  1. Bento Gonçalves
  2. Garibaldi
  3. Caxias do Sul
  4. Gramado
  5. Canela
  6. Porto Alegre
  7. Cambará do Sul
  8. Rio Grande
  9. São Miguel das Missões
  10. Torres

Mapa turístico Rio Grande do Sul:

Confira onde estão essas cidades do Rio Grande do Sul no mapa abaixo.

Dica:

Vale a pena alugar um carro para visitar as principais cidades do rio Grande do Sul. As distâncias não são longas, as estradas são boas e muitas atrações no entorno serão mais facilmente visitadas por conta própria se você tiver mobilidade. Compare preços das diversas locadoras disponíveis no buscador Rentcars.com.

Turismo no Rio Grande do Sul: conheça atrações, quando ir, quantos dias ficar e como chegar

1. Bento Gonçalves

bento goncalves
Passeio de Maria-Fumaça é um dos mais procurados em Bento Gonçalves

Bento Gonçalves é uma das cidades mais visitadas do Rio Grande do Sul, pois está no coração do Vale dos Vinhedos.

O vale fica na Serra Gaúcha e é um destino cobiçado por quem aprecia vinhos e espumantes. O destino de enoturismo, com influência italiana e excelente gastronomia, tem paisagens exuberantes e ainda conta com diversos roteiros turísticos.

É um destino barato de se visitar, pois os preços dos tours com degustação nas vinícolas são a partir de R$ 20.

  • Para quem é?

Para quem gosta de paisagens ao ar livre, provar vinhos, visitar restaurantes.

  • Como chegar:

Bento Gonçalves está a pouco mais de 120km da capital Porto Alegre, onde está o Aeroporto Internacional Salgado Filho (POA), que recebe voos de várias partes do país (confira promoções de voos nos sites Passagens Promo e Viajanet.

De Porto Alegre, a opção mais confortável é alugar um carro. Sugiro que você compare preços das locadoras disponíveis no Rentcars.com.

  • Quantos dias?

Recomendo 4 dias para conhecer bem as duas estradas principais do Vale dos Vinhedos, onde estão diversas vinícolas, incluindo as famosas Miolo e Casa Valduga. Separe um dia para o circuito turístico Caminhos de Pedra, e um dia para fazer o passeio de Maria-Fumaça até Garibaldi.

  • Quando ir?

Vá no verão, principalmente em fevereiro, se quiser ver as parreiras de uvas verdinhas e cheias de cachos, ou participar da vindima (colheita e pisa da uva). Mas o destino é visitado durante o ano inteiro, e muitos preferem o friozinho para saborear vinhos.

  • Principais atrações:

Pipa Pórtico, Parque Cultural Epopeia Italiana, Centro Histórico, Vale dos Vinhedos (Via Trento e Estrada do Vinho), circuitos Caminhos de Pedra e Vale do Rio das Antas, além de outros para fazer de carro em um dia.

  • Saiba mais:

2. Garibaldi

turismo rio grande do sul
Vinícola Peterlongo em Garibaldi é a 1ª do Brasil a produzir champanhe

Outra cidade do Vale dos Vinhedos, Garibaldi é famosa pelos espumantes. Menor do que a anterior, muitos visitantes conciliam os dois destinos, visitando Garibaldi através do passeio de trem ou de um bate-volta de carro, ou os dois.

Lá estão vinícolas como a Chandon e a Peterlongo, essa última, a primeira a produzir Champagne no Brasil e a única fora da França que pode usar essa denominação no rótulo.

É outro destino barato no Rio Grande do Sul, e 2 das 3 principais vinícolas tem tour e degustação de graça.

  • Para quem é?

Para apaixonados por vinhos e espumantes que querem aprofundar ainda mais os conhecimentos e experiências. Ou seja, para quem acha que 4 dias é pouco, e quer dedicar logo uma semana na região de vinícolas no Brasil, como nós! hahaha

  • Como chegar:

Garibaldi fica a cerca de 113km de Porto Alegre, um pouco antes de Bento Gonçalves, que está mais ou menos 10km depois.

Quem está na região sem carro, pode fazer o passeio de trem ou pegar o transporte público entre as duas cidades.

  • Quantos dias?

Um dia é suficiente para conhecer as principais vinícolas, lojas de chocolate e centro histórico. Se fizer o passeio de trem, sugiro dedicar um outro dia para o bate-volta. E se tiver um terceiro dia, visite a Estrada do Sabor.

  • Quando ir?

A dica é a mesma da cidade anterior: o verão é legal, mas vale visitar em qualquer época do ano.

  • Principais atrações:

Vinícolas Peterlongo, Chandon e Garibaldi, Centro Histórico, lojas de chocolate, circuito turístico Estrada do Sabor, passeio de Maria-Fumaça.

  • Saiba mais:

3. Caxias do Sul

festa da uva
Festa da Uva acontece de 2 em 2 anos e é o evento mais importante de Caxias do Sul

Caxias do Sul não é uma das cidades mais visitadas do Rio Grande do Sul ao longo do ano, mas sim durante um evento específico, que é a  Festa da Uva. Ela acontece a cada dois anos, no mês de fevereiro, e celebra a cultura dos imigrantes italianos da região. Ah, e o ingresso é bastante acessível para uma festa que dura o dia inteiro.

  • Para quem é?

Para quem gosta de festas típicas, vinhos e comida italiana, e circuitos de carro pelo interior.

  • Como chegar:

Caxias do Sul tem um aeroporto que recebe poucos voos, mas Porto Alegre está a apenas 130km, com acesso por dois trajetos diferentes. Bento Gonçalves está a aproximadamente 45km e nós fizemos um bate-volta de lá.

  • Quantos dias?

Dedique um dia para a Festa da Uva, e um para conhecer as atrações da cidade. Fora da época da festa, faça um dos circuitos de carro.

  • Quando ir?

Em fevereiro caso queira participar da Festa da Uva, ou em qualquer época.

  • Principais atrações:

Monumento ao Imigrante, Museu Casa de Pedra, Vinícola Castelo Medieval Chateau Lacave, Gruta da Terceira Légua, Cascata dos Molin, além de 7 roteiros para se fazer de carro, como o Vale Trentino, a Estrada do Imigrante, o Caminhos do Interior e outros.

  • Saiba mais:

4. Gramado

Considerado um dos melhores destinos do Brasil, Gramado também é uma das cidades mais procuradas para turismo no Rio Grande do Sul.

Seus pontos fortes são parques temáticos, museus, fábricas de chocolate, espaços ao ar livre e eventos temáticos, como o Natal Luz de Gramado. Isso sem falar no friozinho que deixa o lugar ainda mais romântico, e na expectativa, visto que lá é uma das cidades do Rio Grande do Sul para ver neve.

Esse destino é para quem pretende gastar um pouco mais, visto que quase todas as atrações e passeios são pagos.

  • Para quem é?

Para quem curte destinos românticos, com paisagens ao ar livre, baixas temperaturas, comer fondue (programa clássico lá), e noites temáticas com música, dança e comidas típicas.

  • Como chegar:

Gramado está a pouco mais de 100km de Porto Alegre e a 120km do Vale dos Vinhedos. O turismo é muito organizado e existem diversos transfers para Gramado.

  • Quantos dias?

Como são muitas possibilidades, o interessante é ficar de 5 a 7 dias em Gramado.

  • Quando ir?

Esse é um grande dilema hahaha! Acho que é um destino para se visitar mais de uma vez. De outubro a janeiro para aproveitar o famoso Natal Luz, e no inverno, para curtir o frio e os eventos da época.

  • Principais atrações e passeios:

Centro Turístico, Mini Mundo, Snowland, Lago Negro, Museu de Cera Dreamland e parques Mundo de Chocolate e Aldeia do Papai Noel (com crianças), e passeios como Linha Bella, O Quatrilho, ou os noturnos, como a Noite Alemã, Noite Suíça ou Noite Gaúcha.

  • Saiba mais:

5. Canela

Canela está a cerca de 10km de Gramado e costuma entrar no roteiro como um bate-volta a partir de lá. Entretanto, a cidade tem mais atrações do que você imagina, principalmente para quem viaja com crianças.

Canela está na região das hortênsias, tem todo um charme e as principais atrações são ao ar livre.

  • Para quem é?

Para quem quer descansar em um destino romântico, e para quem quer economizar com hospedagem, pois os preços são mais atrativos do que os de Gramado.

  • Como chegar:

A partir de Gramado, de carro, de ônibus turístico ou passeios compartilhados.

  • Quantos dias?

Um ou 2 dias são suficientes.

  • Quando ir?

As dicas são as mesmas para quem visita Gramado: outubro a dezembro para quem quer aproveitar os festejos de fim de ano, inverno para curtir o frio.

  • Principais atrações:

Catedral de Pedra, Parque do Caracol, Bondinhos Aéreos, Parque da Ferradura, Alpen Park, parques Mundo a Vapor, Vale dos Dinossauros e Big Land (com crianças), Ice bar e outros.

6. Porto Alegre

cidades do rio grande do sul
Pôr do sol na orla do Guaíba é um dos programas imperdíveis em Porto Alegre

A capital é uma das cidades do Rio Grande do Sul que a maioria dos visitantes vai passar na ida ou na volta. Engana-se quem não dedica um tempinho para visitar algumas de suas atrações.

O forte são atrações culturais, atividades ao ar livre e ótima gastronomia. A dica é circular pelo centro histórico a pé, fazer um free walk guiado ou usar a Linha Turismo – um ônibus que passa pelos principais pontos da cidade, além de curtir um imperdível pôr do sol na Orla do Guaíba.

Um destino barato, prático e cheio de boas surpresas.

  • Para quem é?

Para quem curte grandes cidades e atrações culturais.

  • Como chegar:

A cidade gaúcha está a cerca de 740 quilômetros de Curitiba, e 460 de Florianópolis, pela BR-101. O Aeroporto Salgado Filho não fica muito distante do centro, são cerca de 10km, e recebe voos diários de várias cidades brasileiras.

  • Quantos dias?

Com 2 dias é possível conhecer as principais atrações.

  • Quando ir?

Em qualquer época do ano, mas atente-se para as melhores estações das cidades que você pretende conciliar.

  • Principais atrações:

Mercado Público, Praça da Alfândega, Santander Cultural e MARGS (Museu de Artes do Rio Grande do Sul), Rua da Praia e Casa de Mário Quintana, Praça da Matriz, Orla do Guaíba e Usina do Gasômetro, Fundação Iberê Camargo, além de passeios de barco e parques.

  • Saiba mais:

7. Cambará do Sul

Com alguns dos cânions mais bonitos do Brasil, Cambará do Sul é um dos destinos de ecoturismo no Rio Grande do Sul.

Lá está o Parque Nacional Aparados da Serra e o Parque Nacional da Serra Geral, dois paraísos cheios de trilhas, mirantes, cânions, cachoeiras e belezas naturais.

É possível fazer os passeios por conta própria de carro, o que deixa o rolê mais barato.

  • Para quem é?

Para quem curte estrada de terra, trekkings e natureza.

  • Como chegar:

Porto Alegre está a cerca de 190km, Gramado está a 115km e o Vale dos Vinhedos está a 180km. Existem transfers entre as cidades, mas a melhor forma de explorar os pontos turísticos é de carro.

  • Quantos dias?

Recomendo pelo menos 4 dias para conhecer bem os cânions, que são diferentes entre si.

  • Quando ir?

O inverno corresponde à alta temporada, época em que é mais difícil chover e os dias costumam ter céu limpo, ideal para ter boa visibilidade dos cânions.

  • Principais atrações:

Cânion do Itaimbezinho, Cânion Fortaleza, e diversos outros, além de cachoeiras e atividades como rapel, tour de bike e passeios de barco.

  • Saiba mais:

8. Rio Grande

turismo no rio grande do sul
Praia do Cassino é o balneário mais antigo do RS

Rio Grande é a cidade mais antiga do estado do Rio Grande do Sul, daí sua importância histórica. Ela fica perto da divisa com o Uruguai e tem ecossistema único, pois abriga a maior praia do mundo em extensão, a praia do Cassino, e a maior laguna costeira da América do Sul, a Lagoa dos Patos.

Um destino muito em conta, e minha dica é se hospedar na praia, que fica a 22km do centro histórico.

  • Para quem é?

Para quem gosta de turismo histórico-cultural, mas quer conciliar com um balneário atrativo com clima de cidade pequena.

  • Como chegar:

Rio Grande está localizada no extremo sul, a cerca de 335km da capital Porto Alegre, onde está o aeroporto principal mais próximo. Pelotas está a 80km e seu aeroporto recebe menor número de voos. Há boa oferta de ônibus entre as 3 cidades.

  • Quantos dias?

Reserve 1 dia para o centro histórico de Rio Grande, e pelo menos 2 dias para curtir a praia do Cassino.

  • Quando ir?

Definitivamente, no verão. Fora dos meses quentes será praticamente impossível aproveitar a praia, que tem águas geladas.

  • Principais atrações:

Praia do Cassino, Molhes da Barra, Centro Histórico, onde estão o Museu Oceanográfico, Museu Antártico e Eco-Museu da Ilha da Pólvora, o Mercado Público e os portos, a Lagoa dos Patos, o Prédio da Alfândega e o Museu da Cidade de Rio Grande – Acervo Histórico e as praças.

  • Saiba mais:

9. São Miguel das Missões

Sem uma lista grande de atrativos, São Miguel das Missões merece entrar na lista de cidades para visitar no Rio Grande do Sul por abrigar um dos Patrimônios da Humanidade pela Unesco.

Um destino distante dos grandes centros, porém, econômico para se visitar.

  • Para quem é?

Para quem adora turismo histórico-cultural e para quem pretende conciliar com os outros dois sítios arqueológicos das missões jesuíticas na América do Sul: Trinidad e Jesús no Paraguai, e San Ignacio Miní na Argentina.

  • Como chegar:

São Miguel das Missões fica a pouco mais de 470km de Porto Alegre e a viagem de ônibus faz baldeação em Santo Ângelo. Para conciliar com os outros dois sítios, vale uma viagem menos longa a partir de Puerto Iguazú, cidade argentina na fronteira com Foz do Iguaçu.

  • Quantos dias?

Dedique 1 dia com pernoite, para conferir o Espetáculo Som e Luz. Para uma viagem que contempla os três sítios arqueológicos, dedique pelo menos 6 dias, para não ser cansativo. E veja as dicas no roteiro do Viaje na Viagem.

  • Quando ir?

Em qualquer época do ano.

  • Principais atrações:

Além do Sítio Histórico São Miguel Arcanjo, há o Museu das Missões, o Caminhos das Missões, a Fonte Missioneira, e o Espetáculo Som e Luz (à noite), além da Fazenda da Laje, para quem curte turismo rural.

  • Saiba mais:

10. Torres

Com falésias e morros de basalto, Torres é considerada por muitos a cidade de praia mais bonita do Rio Grande do Sul e a única com formações desse tipo. Com certeza você já viu uma foto da belíssima praia da Guarita por aí.

É um destino fácil de visitar, com poucas atrações pagas.

  • Para quem é?

Para quem curte praia e cenários únicos da natureza, essa é a melhor cidade para turismo no Rio Grande do Sul.

  • Como chegar:

Torres está a aproximadamente 190km da capital Porto Alegre. Gramado está a 180km, mas só dá para conciliar se viajar durante o verão.

  • Quantos dias?

A cidade é pequena e para aproveitar as praias, dedique uns 2 ou 3 dias.

  • Quando ir?

No verão, pois o Rio Grande do Sul tem águas geladíssimas fora desse período.

  • Principais atrações:

Parque da Guarita (onde estão 3 das 4 torres), Morro do Farol, as 6 praias, os Molhes da Barra, a Lagoa do Violão, a Ilha dos Lobos, o Museu da Cidade de Torres e até um passeio de barco no rio Mampituba ou um passeio de balão.


>> Confira ofertas de passagem aérea <<

Passagens Promo, Viajanet e Skyscanner


Turismo no Rio Grande do Sul: sugestão de roteiro de 12 dias

  • Dia 1: chegada em Porto Alegre, ida para Bento Gonçalves e tarde no centro da cidade
  • Dia 2: Vale dos Vinhedos – vinícolas na Estrada do Vinho
  • Dia 3: Vale dos Vinhedos – vinícolas na Via Trento
  • Dia 4: Garibaldi
  • Dia 5: ida para Gramado, tarde no centro turístico e Rua Coberta
  • Dia 6: Mini mundo, Lago Negro, Snowland e Noite Gaúcha
  • Dia 7: Tour Linha Bella ou outro circuito turístico
  • Dia 8: Canela e Parque do Caracol
  • Dia 9: fábricas de chocolate, 1 ou 2 museus ou atrações temáticas
  • Dia 10: ida para Porto Alegre, fundação Iberê Camargo e tarde na orla do Guaíba
  • Dia 11: centro histórico com mercado e museus
  • Dia 12: retorno

* É super possível acrescentar mais 3 dias e ir de Gramado a Torres antes de finalizar em Porto Alegre.

Espero que esse artigo te ajude a entender melhor o turismo no rio Grande do Sul e a organizar seu roteiro. Qualquer dúvida, deixe um comentário.

por Camila Coubelle

Resolva sua viagem aqui

OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro com reserva rápida e segura, opções de cancelamento gratuito e pagamento só no check-in com a Booking.com.

ALUGUEL DE CARRO em até 12x no cartão, sem IOF, ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no buscador Rentcars.com.

COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo, já com nosso cupom de desconto VIDASEMPAREDES5 aplicado.

PASSAGEM AÉREA em promoção e até 12x no Skyscanner, ou com até 25% OFF e 6x sem juros no Passagens Promo, ou nas ofertas da Viajanet.

CHIP DE INTERNET com plano de dados para mais de 100 países e conexão ilimitada com a EasySim4U ou a Viaje Conectado.

INGRESSO antecipado para atrações, eventos, passeios e transfer no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com a GetYourGuide ou a Civitatis.

Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem!

Ebook Capitólio



Vida sem Paredeshttps://vidasemparedes.com.br/
Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.