InícioAMÉRICA DO SULO que fazer em Porto Alegre, Rio Grande do Sul

O que fazer em Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, é uma cidade enorme, com atrações culturais, atividades ao ar livre e ótima gastronomia.

Com certeza, uma boa pedida para quem vai passar um feriado, fim de semana ou mesmo fazer um pit stop antes ou depois de viagens para lugares como Gramado e Canela, que estão pertinho, ou o Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha.

Nesse artigo, selecionamos algumas atrações para aproveitar o melhor de Porto Alegre.

Veja dicas de como chegar à cidade, onde comer, melhor localização para se hospedar e o que fazer na capital do Rio Grande do Sul.

Porto Alegre, RS: o que fazer, onde ficar, restaurantes

  1. Roteiro em PoA
  2. O que fazer
  3. Como chegar
  4. Onde ficar
  5. Infos dos atrativos
  6. Vida noturna
  7. Restaurantes
  8. Arredores
Rio Guaíba Porto Alegre RS
Orla do Rio Guaíba é o ponto certo no fim de tarde
porto alegre
As atrações de Porto Alegre não são distantes uma das outras

Roteiro em Porto Alegre: de 1, 2 ou 3 dias

Porto Alegre é fácil de se visitar em um roteiro de 1 ou 2 dias, pois os principais pontos turísticos são próximos e é fácil circular.

Você pode conhecer o centro histórico a pé, fazer um free walk guiado ou usar a Linha Turismo de Porto Alegre – um ônibus que passa pelos principais pontos da cidade em 2 roteiros diferentes.

Na Orla do Guaíba, toda revitalizada, você pode fazer caminhadas, andar de bike, ou apenas tomar um chopp em um dos quiosques apreciando o pôr do sol.

E quem procura o que fazer em Porto Alegre com chuva pode focar nos espaços fechados, como a Fundação Iberê Camargo, museus do centro e o Mercado Público.

Confira a sugestão de roteiro em Porto Alegre:

  • Dia 1: Centro Histórico e Mercado Público (com ou sem Linha Turismo) + Orla do Guaíba
  • Dia 2: Linha Turismo (roteiro Zona Sul) + Passeio de barco Cisne Branco no fim de tarde
  • Se tiver mais dias…
  • Dia 3: Fundação Iberê Camargo + parques de Porto Alegre

O que fazer em Porto Alegre, RS: melhores pontos turísticos

  1. Orla do Guaíba
  2. Usina do Gasômetro
  3. Centro Histórico
  4. Mercado Público
  5. Praça da Alfândega
  6. Santander Cultural
  7. MARGS (Museu de Artes do RS)
  8. Casa de Cultura Mário Quintana
  9. Praça da Matriz e Catedral Metropolitana
  10. Escadaria 24 de Maio
  11. FreeWalk POA
  12. Passeio Cisne Branco (de barco pelo rio Guaíba)
  13. Parque Farroupilha (ou Redenção) e Parque Moinhos de Vento
  14. Fundação Iberê Camargo

Como chegar em Porto Alegre, RS

A cidade gaúcha está a cerca de 740 quilômetros de Curitiba, e 460 de Florianópolis, pela BR-101. O Aeroporto Salgado Filho (POA) não fica muito distante do centro, são cerca de 10km, e recebe voos diários de várias cidades brasileiras.

Aproveite para conferir ofertas de passagem aérea para lá nos sites MaxMilhas e Passagens Promo.

Como chegar de ônibus:

A viação NS Penha e Kaissara ligam São Paulo a Porto Alegre. A partir do Rio de Janeiro, quem opera o trecho é a viação NS Penha. De Curitiba também têm ônibus para Porto Alegre pela viação NS Penha e pela viação Catarinense. De Florianópolis, viaje pela Eucatur ou pela Santo Anjo.

Como sair do aeroporto:

Diferente de muitos aeroportos das capitais, o de PoA fica próximo ao centro e você tem várias opções para sair do terminal: táxi, Uber/Cabify, ônibus ou trem.

De trem:

Para sair do aeroporto de trem, você precisa pegar o Aeromóvel (do lado de fora do Terminal 1 do aeroporto), que sai a cada 10 minutos. Esse trenzinho liga o aeroporto à estação de trem e você paga só uma tarifa para embarcar.

Dali você pode pegar o trem para a Estação Mercado ou para a Estação Rodoviária e seguir o restante do caminho de táxi.

De carro:

Se preferir alugar um carro, use esse buscador online para comparar preços de diversas locadoras e encontrar a melhor opção.

Alugar um carro é a melhor opção para que vai conciliar a viagem com o Vale dos Vinhedos. Foi o que nós fizemos e é bastante cômodo viajar para lá de carro, bem como visitar o vale.

De táxi ou carro por aplicativo:

A corrida de táxi do aeroporto custa em torno de R$ 40 dependendo da bandeira. De Uber ou Cabify, você gastará em torno de R$ 25.

De ônibus:

De ônibus você vai precisar pegar a linha B09 (Aeroporto/Iguatemi) ou B091 (Aeroporto/Iguatemi/Anchieta).

No site da Prefeitura de Porto Alegre tem o itinerário completo. A tarifa é de R$ 4,70 (jul/2021).

Onde ficar em Porto Alegre: melhor região e dicas

São três os bairros mais procurados para se hospedar em Porto Alegre:

– Cidade Baixa Centro Histórico, que estão bem próximos um do outro e onde estão muitas das atrações da cidade;

– e Moinhos de Vento, que fica a cerca de 3km do Centro Histórico, um bairro mais moderno e sofisticado.

Como o centro fica mais vazio após o horário comercial, a melhor opção é ficar na Cidade Baixa, o bairro boêmio, onde estão muitos botecos, bares e restaurantes. As ruas intercalam prédios antigos e mais modernos e dá até para ir a pé para os principais pontos de interesse.

Nós ficamos na Av. Borges de Medeiros, que praticamente divide a Cidade Baixa e o Centro Histórico.

Uma boa opção de hotel no centro de Porto Alegre é o Comfort Porto Alegre. Fica bem próximo da região dos bares e tem boas acomodações. Quem é fã de hostel vai curtir o Solar63 Hostel, que tem ótima localização e nota alta na Booking.com.

Se você procura um hotel 4 estrelas, vai encontrar conforto e comodidades no Intercity Cidade Baixa. Já o Master Express Lima e Silva é um hotel econômico bonitinho e bem avaliado.

No bairro Moinhos de Vento, o Quality Porto Alegre e o Laghetto Vertice Manhattan são duas opções 4 estrelas com ótima avaliação.

Confira todas as ofertas de hospedagem em Porto Alegre e reserve com cancelamento gratuito e pagamento no check in.

O que fazer em Porto Alegre: informações, preços, funcionamento e dicas dos melhores pontos turísticos

Orla do Guaíba

A melhor orla da vida! Foi essa a nossa impressão ao visitar a Orla do Guaíba em Porto Alegre. Revitalizada há pouco tempo, é um ótimo lugar para passar o fim de tarde e ver o pôr do sol.

Tem bares, restaurantes, café, banheiros e uma ótima estrutura para caminhadas, passeios de bike ou piqueniques.

Mesmo se você chegar em Porto Alegre na metade do dia dá tempo de já riscar da lista uma das melhores coisas para fazer na cidade, que é curtir essa tarde na orla.

Porto Alegre RS
O Restaurante 360º oferece uma ótima vista do rio e do pôr do sol
Porto Alegre RS
E existem alguns bares mais despojados para beber um chope

Usina do Gasômetro

Bem no início da orla do Rio Guaíba está a Usina do Gasômetro, um centro cultural que está fechado para reforma, mas ajuda a compor o lindo cenário às margens de um dos pontos turísticos mais famosos de Porto Alegre.

Essa região fica a menos de 2km do Centro Histórico e da Cidade Baixa, fácil de chegar de táxi/Uber.

Usina do Gasometro porto alegre
Usina do Gasômetro, na Orla do Guaíba

Centro Histórico de Porto Alegre

Essa região lembra um pouco o centro de São Paulo, pois também intercala construções antigas, em estilo colonial, com prédios modernos. É fácil caminhar pelas atrações, e para facilitar, “agrupamos” as que estão bem perto.

Dá para fazer o centro histórico em um roteiro de 1 dia em Porto Alegre, e tudo caminhando.

Mercado Público

Construído em 1869, o prédio histórico é cheio de bancas dos mais variados produtos – vão de embutidos e erva mate a discos de vinil e livros – além de alguns restaurantes que dão para a rua.

Se você gosta de salame, copa, geleias e queijos, compre nas bancas 43 ou do Holandês. São as mais recomendadas.

Mercado Publico de Porto Alegre RS
Mercado Público de Porto Alegre visto da Praça XV
porto alegre
Construído em 1869, o prédio histórico é cheio de bancas dos mais variados produtos
porto alegre rs
Se quiser levar um lembrancinha gaúcha pra casa, esse é o lugar!

Praça da Alfândega

A praça da Alfândega é muito bonita, arborizada e movimentada durante todo o dia. Ao redor estão alguns prédios históricos, centros comerciais, cafés, restaurantes e bistrôs. Vale a pena passar um tempo caminhando por ali.

Santander Cultural e MARGS (Museu de Artes do Rio Grande do Sul)

Na praça da alfândega também estão o Santander Cultural, um dos principais centros de cultura de Porto Alegre, e o MARGS, um dos prédios tombados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

No Santander Cultural, o visitante tem a oportunidade de ir a sessões de cinema, espetáculos e exposições de artes visuais durante todo o ano. Consulte a programação no site.

Já no MARGS, além de exposições permanentes e temporárias, o prédio ainda tem um café e uma lojinha com livros e souvenires. A entrada é gratuita.

porto alegre margs
MARGS – Museu de Artes do Rio Grande do Sul
Porto Alegre RS
Uma das exposições do MARGS

Rua da Praia e Casa de Cultura Mario Quintana

São poucos minutos de caminhada a partir da Praça da Alfândega. A Rua da Praia é uma das mais antigas e tradicionais de Porto Alegre.

A atração tem esse nome porque, na época da fundação da cidade, iniciava às margens do Lago Guaíba. Tem uma grande movimentação de comércio e muitos restaurantes populares.

Nela está a Casa de Cultura Mario Quintana, que fica no prédio do antigo Hotel Majestic.

Só o prédio já vale a visita, mas o centro cultural tem ainda sessões de cinema, museu, biblioteca, loja, café (na cobertura), jardim suspenso e mais nove opções de arte e lazer para todas as idades. Funciona todos os dias (aos sábados, domingos e feriados após as 12h) e tem entrada gratuita.

Casa de Cultura Mario Quintana porto alegre
Casa de Cultura Mario Quintana

Praça da Matriz e Catedral Metropolitana

Na Praça da Matriz em Porto Alegre estão prédios do governo estadual, como o Palácio Piratini e a Assembleia do Estado, o Teatro São Pedro e o Museu Júlio de Castilhos. É conhecida como um centro cultural, religioso e cívico, pois já foi palco de grandes acontecimentos para o povo gaúcho.

A Catedral Metropolitana foi construída em estilo renascentista, bem no alto da praça, em uma posição privilegiada. É lindíssima por dentro e por fora. Independente da sua religião, é um lugar que vale a pena conhecer.

Catedral de Porto Alegre
Catedral de Porto Alegre

Escadaria 24 de Maio

Bem pertinho da Praça da Matriz está a Escadaria 24 de Maio. Revitalizada em 2011 pela artista plástica Clarissa Motta, ela liga o Centro Histórico à Cidade Baixa. Os degraus foram decorados com azulejos bem ao estilo da Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro.

Em alguns dos azulejos, frases de poetas famosos e de moradores da região, que viram a arte dar cor ao espaço espremidos entre os prédios antigos da região.

FreeWalk POA

Já a galera que curte um tour a pé vai se encontrar no Free Walk Poa. Assim como em vários lugares do mundo, uma turma de guias – com camisas laranjas – reúne turistas para andar pela cidade e conhecer um pouquinho da história de cada lugar.

O ponto de encontro é na Praça XV, em frente ao Mercado Público. Os tours rolam aos sábados, a partir das 11h, e duram cerca de 1h30. No final do tour, você pega o que acha que o passeio valeu.

Inclusive, uma ótima dica é reservar antecipadamente esse Free Tour em Porto Alegre, na Civitatis.

Passeios em Porto Alegre

Passeio Cisne Branco

Os barcos navegam pelo Guaíba diariamente. Os preços são a partir de R$ 40 (jul/2021), e um tour com almoço sai por R$ 100 ). São 6 diferentes roteiros, e você pode conferir preços site dos barcos.

Esses passeios têm programação com música ao vivo e serviços de bar. As saídas são do Píer do Gasômetro, com duração de cerca de 1h30.

Parque Farroupilha (ou Redenção) e Parque Moinhos de Vento

Nós adoramos parques e, mesmo passando rapidamente por alguma cidade, tiramos um tempinho para caminhar entre as árvores.

Vale ainda mais a pena se você estiver na cidade em um sábado, pois acontece o Brique da Redenção, no Parque Farroupilha. É uma feira tradicional em Porto Alegre, com artesanato, praça de alimentação e antiguidades.

Parque Farroupilha Porto Alegre RS
Parque Farropilha (ou Redenção)

Fundação Iberê Camargo

O museu é uma homenagem e um local de preservação à obra de Iberê Camargo, importante nome da arte brasileira. No acervo, exposições de arte, seminários, cursos e atividades com a presença de artistas e curadores.

A Fundação Iberê Camargo funciona somente aos finais de semana, das 14h às 19h, tem loja e café. A entrada é gratuita.

D I C A: visite a fundação no final da tarde e vá ao café para apreciar a vista para o pôr do sol.


>> TRASNFER do aeroporto para Gramado e Canela <<


O que fazer em Porto Alegre à noite: Cidade Baixa

A Cidade Baixa é a região boêmia de Porto Alegre, lugar ideal para curtir à noite. É por ali que as pessoas se encontram para um happy hour depois do trabalho, ou uma festa animada aos finais de semana.

As ruas mais badaladas são a General Lima e Silva, com um barzinho ao lado do outro, e a José do Patrocínio, ponto mais alternativo do bairro. Dá para caminhar por elas e escolher o melhor bar ou restaurante.

Onde comer em Porto Alegre

Entre os botecos da Cidade Baixa estão ótimas opções para curtir a deliciosa gastronomia gaúcha. A Calçada da Fama, no bairro Moinhos de Vento também faz sucesso entre os baladeiros.

Na Cidade Baixa nós fomos no Boteco do Joaquim e adoramos o escondidinho de charque. O Apolinário também é bem recomendado e tem vários rótulos de cervejas artesanais. O recomendadíssimo Dirty Old Man serve drinks, cervejas e petiscos.

Tour de bicicleta por São Paulo

A Helen, do Blog Recordações de Viagem nos indicou o Lola Bar de Tapas, que fica bem perto do bairro Moinhos de Vento. O bar é especializado em drinks (e tapas, claro).

Agora, se você quer conhecer uma típica churrascaria gaúcha, conheça as mais turísticas, com shows e atrações variadas: Galpão Criolo e 35 CTG. Se quiser se sentir como um local, vá à Giovanaz, Costela no Roletchê ou Barranco.

Para uma noite com cara local, confira essa experiência parrilla gaúcha que inclui transporte e jantar, com detalhamento das técnicas locais.

o que fazer em porto alegre
O animado Boteco do Joaquim, na Cidade Baixa

Nos arredores de Porto Alegre:

Vale dos Vinhedos:

Distante apenas 122 quilômetros de Porto Alegre, a região da Serra Gaúcha é recheada de vinícolas e cantinas italianas que perpetuam as tradições deixadas pelos imigrantes que chegaram ao sul do país em 1875. Esse é um lindo – e saboroso – roteiro que nós percorremos e escrevemos um guia completo para ajudar no planejamento de quem pretende visitar o Vale dos Vinhedos.

Gramado e Canela:

As cidades da Serra Gaúcha vêm sempre juntinhas assim porque uma complementa a outra. Os destinos são muito procurados no inverno, pelo charme das suas hortênsias, e na época do Natal, quando as cidades se iluminam e festejam durante vários meses. Os atrativos são o frio, a gastronomia e arquitetura herdada da colonização europeia. As cidades estão a cerca de 100 quilômetros de Porto Alegre. Confira o que fazer lá no Youtube do blog Viagens Cine.

Cânions de Cambará do Sul:

Os gigantescos penhascos que dividem o Rio Grande do Sul e Santa Catarina estão entre os maiores e mais famosos do Brasil. Quem contou mais sobre eles foi o Jair Prandi, do blog Viagens e Caminhos. Veja que espetáculo!

Para conhecer esses lugares você vai precisar alugar um carro a partir de Porto Alegre. Clique aqui e compare os preços das principais locadoras, reserve com antecedência e parcele sem juros só na retirada.

Leia também:

Viu como vale a pena incluir um ou dois dias para conhecer melhor Porto Alegre?!

⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀ 

Por Nange Sá



Vida sem Paredes
Vida sem Paredeshttps://vidasemparedes.com.br/
Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.