Vale a pena visitar a Playa Blanca na Isla Baru, Cartagena?

Atualizado em

Como as praias de Cartagena não são muito atrativas, um dos passeios mais procurados na cidade é o que vai até Playa Blanca, na Isla Baru. A atração é bem acessível em questões de preço e facilidade para chegar, já que existem tanto passeios de lancha quanto passeios de van e ônibus, ou ainda, a possibilidade de ir de carro ou táxi.

A Playa Blanca é a única pública da Isla Baru. Somando isso à possibilidade de chegar por terra, ela está sempre muito cheia de turistas e de colombianos. Isso sem falar no trânsito de lanchas e jet-skis, no assédio dos vendedores, no tumulto e na má fama que ela ganhou de uns tempos para cá por causa disso.

Apesar de tudo, a praia é lindíssima, e ficou conhecida por conta de suas águas de uma cor incrível e da areia branquinha, que deixa o lugar com ares de paraíso.

 

Confira como foi a nossa experiência em visitar essa praia que, a princípio, não estava no nosso roteiro, e descubra se combina com você e se vale a pena visitar ou não.

E o mais importante: confira as dicas fundamentais para aproveitar esse lugar minimizando a parte chata, saiba por que o TÁXI é a melhor forma de chegar e confira algumas informações úteis.

Isla Baru e Playa Blanca
Isla Baru e Playa Blanca

Leia também: Onde ficar em Cartagena (com dicas de bons hotéis)

Quais são as opções de passeio para a Isla Baru?

Ao circular pelas ruas de Cartagena você verá muitos vendedores oferecendo passeios para Isla Rosário e Isla Baru. Há diversas formas de visitar a Playa Blanca, na Isla Baru:

  1. No passeio de ônibus ou van, o tempo para chegar na praia é de aproximadamente uma hora. Custa 50.000 pesos colombianos (cerca de R$60,00 – jan/2019), incluindo transporte e almoço. Algumas empresas também oferecem mergulho, o que não vale muito a pena. Durante nossa viagem a cotação da moeda local estava 1 BRL = 700 COP, mas confira a cotação na data da sua visita.
  1. De lancha, o tour de um dia inteiro sai do (porto) Muelle de La Bodeguita, que é bem pertinho do centro de Cartagena, custa a partir de 60.000 pesos (cerca de R$70,00), inclui almoço e uma parada no Oceanário (com ingresso pago a parte). Tem opção de mergulho também. A lancha para na ilha San Martin de Pajarales, onde fica o Oceanário, e quem não quer visitar precisa esperar na lancha por cerca de 1h30 antes de seguir para a Playa Blanca.

Um ponto negativo do passeio de lancha e catamarã é ter que esperar o embarque de tanta gente. Mas se essa for a sua escolha, confira com o vendedor/agência, se a taxa de visitação à Isla Rosário, que custa 18.000 pesos (cerca de R$22,00)por pessoa, está inclusa no preço.

Consulte ofertas de excursões de um dia em Cartagena aqui.

  1. Esse mesmo passeio também pode ser feito de catamarã, mas não é uma boa ideia para quem quer aproveitar a praia, pois pode levar até 2 horas e meia para chegar, por ser uma embarcação mais lenta. Essa opção é mais recomendada para quem quer curtir o passeio de barco, sem praia, sem nadar, já que a maior parte do tempo será dentro do barco.
  1. Já opção mais barata é ir de ônibus de linha, que vai até o povoado de Pasacaballos. Eles passam perto do Monumento India Catalina, no centro de Cartagena, custam em torno de 2.500 pesos (cerca de R$3,00)e a viagem dura 1 hora. Da praça principal do povoado são mais 15 minutos de táxi (40.000 pesos/R$48,00) ou moto táxi (10.000 pesos/R$12,00) até a praia. Não recomendo porque é mais cansativo e demorado, tudo isso intensificado pelo calor que faz na cidade.
  1. Uma das melhores opções é alugar uma lancha privada. É fácil encontrar ofertas por lá. Aí o passeio fica do seu jeito, e com bastante comodidade. Os preços podem ser salgados, a partir de 1 milhão de pesos/R$1.200,00, mas dependendo do tamanho do grupo, pode ser uma boa opção. Peça indicação na sua hospedagem ou consulte aqui.
  1. A opção que une as facilidades de rapidez e economia é contratar um táxi. Negociamos com um que cobrou 80.000 pesos colombianos (cerca de R$95,00 – jan/2019) por cada trecho, total de 160.000 pesos (cerca de R$190,00). Como estávamos em quatro pessoas, valeu a pena: deu R$48,00 para cada. A viagem dura meia hora e o taxista deixou a gente em uma espécie de estacionamento bem tumultuado, onde fica a entrada para a Praia Branca, acessada após uns 50 metros de caminhada. Combinamos com ele o retorno para as 16h, mas…. ele não apareceu! Como haviam muitos taxistas à espera nesse estacionamento, não foi problema encontrar um pelo mesmo preço.
  1. Outra opção por terra é ir de carro alugado. A gente usa esse comparador de preços de diversas locadoras para encontrara melhor opção e melhor serviço. Ainda é possível parcelar sem juros e pagar só na retirada do veículo. Se for o caso, vale a pena ter internet no celular (conheça o chip internacional da EasySim4You aqui). A estrada para a Isla Baru é boa, tem um pedágio, e tem estacionamento lá na entrada da praia.

Faça uma cotação de seguro viagem com 5% OFF em até 12x

Isla Baru e Playa Blanca
Quanto mais se caminha para a direita, mais vazia a praia

Isla Baru: contratar passeio ou ir por conta própria?

A conclusão que chegamos após visitar a Isla Baru, foi de que a melhor opção é ir de táxi, por ser mais rápido, e por te dar a liberdade de escolher algumas coisas. Por exemplo, escolher a barraca em que quer ficar.

As excursões param em pontos já pré-determinados, geralmente, no início da praia, lugares muito lotados.

Indo por conta própria, você pode caminhar 15 minutos para a direita, onde a praia é menos movimentada. Descobrimos isso por acaso, pois como eu disse, a princípio nós não tínhamos planos de visitar essa praia, justamente porque lemos muitas informações de que não valia a pena. Mas como a gente tinha um dia extra em Cartagena, e era feriado (sem muita coisa para fazer), decidimos ir em cima da hora.

Logo que o táxi chegou no estacionamento, os vendedores colocavam a cabeça dentro do carro oferecendo serviços e barracas. O assédio de vendedores é bastante chato, mas não incomodou muito depois que chegamos no melhor ponto da praia.

Um dos meninos que nos abordou convidando para barraca da mãe dele é que deu a dica e explicou que o princípio da praia era ponto de parada de excursões. A barraca dele ficava no lado oposto, tinha guarda-sol de palha e cadeiras e espreguiçadeiras boas. Cobraram 10.000 pesos (R$12,00) por cadeira, e mais 10.000 pesos de serviço por pessoa. Achamos essa última parte cara e desnecessária, mas…. foi inevitável.

Na barraca que ficamos, o cardápio tinha opções de petiscos e pratos, e o principal era peixe acompanhado por patacones e arroz de coco, que estava muito bom, e com preço razoável. Se você não sabe o que é patacones, confira o post Comidas típicas da Colômbia.

Já os drinks eram bem mais caros do que os restaurantes e bares de Cartagena. Entretanto, se você alugar a barraca não é obrigatório consumir. Nós levamos algumas cervejas já geladas e foi suficiente.

Conclusão: embora a gente não goste de praias cheias, achamos a Playa Blanca na Isla Baru maravilhosa, e valeu a pena ter visitado, ainda mais nas condições em que fomos. Minha dica é, se pretende conhecer o lugar, VÁ DE TÁXI E FIQUE NO CANTO DIREITO DA PRAIA.

Isla Baru e Playa Blanca
A Playa Blanca é famosa por suas areias brancas e águas cristalinas
Isla Baru e Playa Blanca
O peixe frito com patacones e arroz de coco estava uma delícia

Dicas para quem vai visitar a Isla Baru

– Se quiser beber drinks, espere o horário da promoção (hora do almoço), e por falar nisso, é preciso encomendar o almoço assim que chegar.
Há diversos hotéis na Isla Baru, confira as ofertas de hospedagem por lá se pretende ficar mais dias.

– É permitido acampar gratuitamente no final da Playa Blanca, e existe uma estrutura (meio precária) de banheiros públicos (pagos).

– Se a sua escolha for táxi, vá cedinho e retorne por volta das 16h, quando a movimentação para ir embora está no começo e bem menos tumultuada. Lembre-se que são 20 a 30 minutos de caminhada até o estacionamento onde ficam os táxis, então saia um pouco antes.

Lembrando: caminhe pela orla até o lado direito da praia, menos movimentado e com estrutura melhor. Sua experiência será bem melhor assim.

– Se estiver com crianças, não as deixe sozinhas na água, porque mesmo no lado menos movimentado ainda há lanchas e jet skis.

  

+ de Cartagena:

Onde ficar em Cartagena: comparativos de bairros e dicas de bons hotéis

Comidas colombianas: pratos típicos para experimentar

Guia completo de Cartagena das Índias

  

Data da viagem: janeiro de 2019

por Camila Coubelle

Resolva sua viagem aqui
OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro com reserva rápida e segura, opções de cancelamento gratuito e pagamento só no check-in com a Booking.com.
ALUGUEL DE CARRO em até 10x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no buscador Rentcars.com.
COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo, já com nosso cupom de desconto VIDASEMPAREDES5 aplicado.
VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb.
PASSAGEM AÉREA em promoção e até 12x sem juros no Viajanet, ou com até 25% OFF e 6x sem juros no Passagens Promo.
CHIP DE INTERNET com plano de dados para mais de 100 países e conexão ilimitada com a EasySim4U ou a Viaje Conectado.
INGRESSO antecipado para atrações, eventos, passeios e transfer no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com a GetYourGuide ou a TourOn.
Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3



As dicas do vida sem paredes te ajudaram?

Então fale com a gente no FACEBOOK, no INSTAGRAM, no PINTEREST ou no YOUTUBE.
Compartilhe com os amigos!

Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

5 comentários em “Vale a pena visitar a Playa Blanca na Isla Baru, Cartagena?

  • 4 de maio de 2019 em 00:30
    Permalink

    Olá! Também estou pensando em ir de lua de mel em janeiro de 2029. Muito boas as dicas. Seria legal também ter dicas de agências para a Isla do Rosário e quais ilhas de lá são melhores.

    Resposta
    • 7 de maio de 2019 em 17:20
      Permalink

      Oi Pamela, tudo bem? Obrigada. Muito em breve vamos lançar um post sobre os hotéis da Isla del Rosário.. aí você poderá comparar-los melhor.

      Resposta
  • 24 de abril de 2019 em 14:11
    Permalink

    Boa tarde!
    Eu e minha noiva estamos pensando em passar a lua de mel em Cartagena no mês de outubro/2020, e vimos que essa praia é muito bonita, entretanto tem esses defeitos de ser super lotada e ouvi falar que até suja(copos, resto de frutas e etc) esse lado que vocês foram, realmente é bom? pq gostaríamos de ir la umas duas vezes ou mais. Gostaríamos de saber se ainda vale a pena ir lá. E se não, qual vocês recomendariam qual além dessa?

    Resposta
    • 29 de abril de 2019 em 10:26
      Permalink

      Olá William, tudo bem? Eu acho que em uma ocasião tão especial como essa vocês merecem um lugar mais reservado. A Playa Blanca é linda, mas estará sempre cheia… não temos nada a reclamar sobre sujeira na praia, mas mesmo no lugar “menos cheio”, ainda é bastante movimento. Eu recomendo a Isla Grande, nós ficamos uma noite lá e é incrível, bem mais vazio (principalmente depois que os passeios day use vão embora). Tem opções de hotéis tanto luxuosos quanto simples, e mesmo que você use a estrutura dos simples, pode passar o dia usufruindo dos serviços dos luxuosos ao consumir no bar deles, que tem preço igual aos de Cartagena. Nós estamos preparando um artigo explicando em detalhes sobre a Isla Grande, mas se você der uma olhada no nosso conteúdo sobre Cartagena já terá uma noção melhor de como é a ilha. Vamos mantendo contato!

      Resposta
  • Pingback:Guia de Cartagena, Colômbia: o que fazer, onde ficar e onde comer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.