O que fazer em Campos do Jordão: roteiros e dicas

Campos do Jordão é destino certo de milhares de turistas durante o inverno, mas é possível visitar a cidade durante todo o ano e aproveitar várias atrações interessantes, que vão de mirantes a museus.

Com influência europeia, emoldurada por montanhas da Serra da Mantiqueira, e cheia de araucárias, pinheiros e plátanos, a cidade no interior de São Paulo é um cenário perfeito para curtir o frio. Esse é, com certeza, o que mais chama a atenção lá, já que as temperaturas podem chegar a -5° nas estações mais geladas. Por conta disso, restaurantes com pratos típicos de inverno, como fondue, caldos e vinhos, são muito comuns por lá.

Há atrações para famílias com crianças, como os parques temáticos, cheios de atividades de aventura, como tirolesa e arvorismo. Sem falar nos inúmeros parques, que deixam as caminhadas dos casais ainda mais românticas.

Confira o que fazer em Campos do Jordão, com roteiro para 2 ou mais dias, preços, onde comer e onde se hospedar.

Como chegar em Campos do Jordão

O aeroporto mais próximo e com maior número de voos é o de Guarulhos (150 quilômetros), em São Paulo. De lá você pode seguir de carro alugado ou ônibus para Campos do Jordão, pois o GRU fica na saída para a cidade.

De carro: Campos do Jordão fica a cerca de 170 quilômetros de São Paulo, seguindo de carro pela SP-70 (Rodovia Ayrton Senna), em seguida pela BR-116 (Via Dutra), e finalizando pela SP-123, curtindo o visual da serra. Nesse trajeto há três pedágios.

Quem sai do Rio de Janeiro de carro percorre 303 quilômetros, seguindo pela BR-116 até Taubaté e, em seguida, pegando a SP-123. Nesse trajeto também há três pedágios.

De Belo Horizonte são 500 quilômetros, o melhor trajeto é pela BR-381 (Fernão Dias) até a cidade de Pouso Alegre. Dali, siga pela MG-173 até São Bento do Sapucaí, finalizando a viagem nas rodovias SP-042 e SP-050.

Embora seja possível ir a Campos do Jordão de ônibus, é muito mais confortável e fácil se locomover de carro pela cidade. Como algumas atrações são distantes, ter flexibilidade para ir e vir tornará a viagem mais agradável. Se precisar alugar um carro para visitar Campos do Jordão, a gente recomenda que você utilize esse buscador que compara preços de diversas locadoras, facilitando a busca pela melhor opção. Ele permite pagamento parcelado e sempre tem promoções.

De ônibus: Saindo do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, você pode pegar o ônibus da Viação Pássaro Marrom ( guichê no terminal 2 – parte externa do piso de desembarque) para São José dos Campos. De lá, a mesma companhia faz o trajeto até Campos do Jordão. Ambas as rotas têm vários horários, com viagens que duram cerca de 1h30 (cada).

A Viação Pássaro Marrom também tem horários diretos para Campos do Jordão saindo da Rodoviária do Tietê. São seis horários entre 6h e 19h30. A viagem dura cerca de três horas.

Quem sai do Rio de Janeiro, vai pela Viação Sampaio, que tem apenas um horário por dia (8h da manhã / 6 horas de viagem), de quinta a segunda-feira, saindo da Rodoviária Novo Rio.

Onde se hospedar em Campos do Jordão

Para escolher uma hospedagem em Campos do Jordão você precisa ter em mente duas coisas: se quer ficar no burburinho de Capivari ou mais distante do agito, e quanto quer gastar. A cidade tem mais de 700 hotéis e pousadas e há hospedagens para todos os gostos. Nem sempre o preço vai ser camarada, mas dá para economizar um pouquinho.

Quem quer ficar pertinho do centro e ter a comodidade de curtir os restaurantes a pé pode escolher umas das opções em Capivari. Uma hospedagem bem localizada, com estacionamento e quartos para família é o Hotel Estoril. O Hotel JB está bem pertinho da Estação Emílio Ribas e oferece piscina e restaurante.

Já a Pousada Luis XV fica dentro, literalmente, do movimento, no segundo andar do Shopping Center Pátio Paris, e oferece até serviços de massagem. Outra boa pedida para quem quer a comodidade de um hotel com restaurante é a Pousada Villaggio Itália.

Um pouco mais distante do centro estão os grandes hotéis, como a Pousada Nacional Inn, que oferece instalações na área externa, como uma academia e uma banheira em estilo japonês, além de requinte e conforto. Também com academia, o L.A.H. Hostellerie ainda tem piscina aquecida e banheira de hidromassagem.

Muito bem recomendado e cercado pela vegetação da serra, o Hotel Toriba tem piscina, dois restaurantes e quadra de tênis.

Já para quem pretende economizar, há ainda os hostels e pousadas mais simples, como o Hostel da Montanha, que tem estilo rústico e vista para a cidade.

Nós ficamos na Vila Báltica, em um dos vários chalés lindos e confortáveis, com estacionamento gratuito e ótima localização. Alugamos através do Airbnb, e se for sua primeira reserva nessa plataforma, confira todas as ofertas disponíveis lá e aproveite nosso voucher de R$ 130,00 de desconto.

Confira também todas as ofertas de hospedagem em Capivari ou em Campos do Jordão e não se esqueça de checar as avaliações.

Melhor época para visitar

Sem dúvida, a alta temporada é durante os meses de inverno. A cidade fica lotada em julho, portanto, faça as reservas com antecedência. É nesse período que o clima muda drasticamente e os termômetros chegam a registrar temperaturas abaixo de zero.

Porém, o clima na cidade é ameno o ano inteiro. O verão é a estação menos recomendada, já que é a época com maiores chances de chuva.

Se você gosta de eventos, vai amar o Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, a maior festa de música clássica da América Latina, que acontece durante todo o mês de julho, com atrações por toda a cidade.

Quantos dias ficar?

Três dias são suficientes para curtir a cidade. Se quiser fazer todas as atrações com calma, pode dar uma esticada e ficar 4 dias.

Dica de roteiros em Campos do Jordão:

>> Casal

Dia 1 (chegada): Belvedere – Vista Chinesa, Portal de Campos do Jordão (apenas fotos), Ducha de Prata, Pico do Itapeva, Vila Capivari

Dia 2: Amantikir Jardins, Tour da Cervejaria Baden Baden, Morro do Elefante, Vila Capivari

Dia 3: Horto Florestal, Borboletário, Museu Casa da Xilogravura, Vila Capivari

Dia 4: Palácio Boa Vista, Mosteiro São João, Museu Felícia Leirner, compras

>> Com crianças

Dia 1 (chegada): Belvedere – Vista Chinesa, Morro do Elefante (com teleférico), Bosque do Silêncio, Vila Capivari

Dia 2: Amantikir Jardins, Tarundú, Vila Capivari

Dia 3: Horto Florestal, Borboletário, Vila Capivari

Dia 4: Floresta Encantada, Fábrica de Chocolate, Passeio de trem

O que fazer em Campos do Jordão:

1. Vila Capivari

A Vila Capivari é o centro turístico e gastronômico de Campos do Jordão. É nessa região que se concentra a maioria dos bares, restaurantes, cafés, lojas e galerias da cidade, tudo com ares europeus. O movimento mais intenso é a partir das 18h, quando os turistas começam a voltar dos passeios e caminhar pelas ruas em busca de um bom restaurante. Vale a pena caminhar pelos calçadões e conhecer um pouco do burburinho que rola por lá.

Quem quiser passear pela cidade nos ônibus panorâmicos, os chamados trenzinhos da alegria (R$ 25,00 – crianças de 2 a 7 anos pagam R$ 10,00), vai encontrá-los facilmente pelo centrinho.

Vila Capivari
A vila Capivari é onde tudo acontece
Vila Capivari
Capivari é cheia de bares, restaurantes, galerias e shoppings

2. Mirantes

Belvedere – Vista Chinesa

Bem na estrada, um pouquinho antes de chegar a Campos do Jordão, o mirante proporciona uma linda vista do Vale do Lajeado, na Serra da Mantiqueira. Parada obrigatória para quem visita a cidade. O espaço, que fica em um pequeno desvio da estrada, tem barraquinhas que vendem comidas, bebidas e artesanato.

Endereço: Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro, próximo ao portal de Campos do Jordão

Entrada: Gratuita

Funcionamento: abre diariamente

Vista chinesa

Morro do Elefante

Um mirante com uma ótima vista para a cidade. Pode ser acessado de carro (5 minutos a partir de Capivari, há placas) ou pelo teleférico (R$ 17,00 ida e volta – maio/2019).

Endereço: Morro do Elefante, s/n

Entrada: Gratuita

Funcionamento: abre diariamente

Morro do Elefante

Teleférico

Primeiro teleférico construído no Brasil. O transporte, que é um dos cartões-postais de Campos do Jordão, leva até o Morro do Elefante. Uma ótima pedida para quem gosta de sentir aquele friozinho na barriga a 160 metros de altura.

Endereço: Av. Emílio Ribas, s/n

Entrada: R$ 17,00 (ida e volta)

Funcionamento: de quarta a segunda, de 10h às 17h

Teleferico campos do jordao

Parque Pico do Itapeva

Do alto desse mirante incrível você pode ver cerca de 15 cidades do Vale do Paraíba (se o tempo estiver aberto, claro). O local ainda tem um lavandário – com mais de 2 mil mudas -, um pequeno café, banheiros e uma Fonte dos Desejos, considerada a mais alta do Brasil, já que está a mais de 1.800 metros de altitude.

Como o acesso é pago, só vale a pena visitar o Parque se o tempo estiver aberto, pois assim poderá desfrutar melhor da vista e da (linda) estrada de 10 quilômetros que leva à atração.

D I C A: Se quiser apenas apreciar a vista sem nenhum custo, siga adiante pela estrada e verá um mirante do lado direito, mas sem infraestrutura nenhuma.

Endereço: Estrada do Pico do Itapeva

Entrada: R$ 10,00 por pessoa + R$ 20,00 por carro. Estudantes e idosos pagam meia-entrada e não é permitido o acesso a pé.

Funcionamento: abre diariamente, de 10h às 17h

Lavandario Pico do Itapeva

3. Parques e bosques em Campos do Jordão

Amantikir Jardins

O parque, cercado pela Serra da Mantiqueira, possui 28 jardins inspirados em 14 países. Entre as atrações estão um labirinto, uma estufa com dezenas de espécies de plantas e um lindo mirante para o Vale do Lajeado.

O Amantikir fica a 10 quilômetros do centro de Campos do Jordão. A estrada é estreitinha, mas linda e asfaltada. O local tem estacionamento próprio, lojinha e uma lanchonete.

Endereço: Rodovia Campos do Jordão Eugênio Lefévre, 215, Estrada Gavião Gonzaga

Entrada: de segunda a quinta: R$ 30,00 | de sexta a domingo ou feriados: R$ 40,00 (estudantes, professores da rede pública, policiais e idosos pagam meia-entrada) – a portaria não aceita nenhum tipo de cartão, somente dinheiro ou transferência bancária.

Funcionamento: abre diariamente, de 8h30 às 17h

Amantikir
Labirinto de Grama
Amantikir
Amantikir tem vários mirantes para a Serra da Mantiqueira

 

Horto Florestal

O Parque Estadual dos Manaciais de Campos do Jordão, conhecido como Horto Florestal é atração ideal para quem viaja em família e quer curtir um passeio interessante em contato com a natureza.

O parque tem várias trilhas (todas curtas, sinalizadas e de fácil acesso), bosques lindíssimos e atividades de aventura, como arvorismo e tirolesa. Além de aluguel de bikes e venda de mudas.

O acesso é por estrada asfaltada, distante 10 quilômetros de Capivari. O local tem estacionamento, restaurante e um café delicioso (experimente o bolo de pinhão).

Endereço: Av. Pedro Paulo, s/n

Entrada: R$ 15,00 (estudantes e idosos pagam meia-entrada)

Funcionamento: diariamente, de 9h às 16h – fechado às quartas

Horto Florestal
As cores do Horto Florestal são incríveis

Horto Campos do Jordao

 

Borboletário Flores que Voam

Parque que abriga cerca de 35 espécies de borboletas nativas da região, em um ambiente tranquilo e prazeroso. A visitação é cheia de curiosidades sobre as borboletas, além de um tour muito bonito. Mas lembre-se: as borboletas só voam em dias de sol. Quem quiser, pode conciliar o passeio com a visita ao Horto Florestal.

Endereço: Av. Pedro Paulo, 7997, estrada para o Horto Florestal

Entrada: R$ 40,00 (Crianças de 7 a 10 anos, estudantes e idosos pagam meia-entrada)

Funcionamento: de quarta a domingo, feriados e todos os dias de julho, das 10h às 15h

 

Mosteiro São João

Um lugar cercado de paz e silêncio. É uma delícia caminhar em meio à vegetação nativa de Campos do Jordão. No local ainda tem uma área com venda de mudas, uma lojinha e, todos os dias, às 17h, as Monjas Beneditinas fazem um recital de canto gregoriano na capela.

Endereço: Av. Dr. Adhemar de Barros, 330 – Vila Abernéssia

Entrada: Gratuita

Funcionamento: Abre diariamente, de 9h às 12h e de 13h às 18h

4. Museus

Museu Casa da Xilogravura

Esse é o único museu especializado em xilogravuras no Brasil e tem um acervo bastante diversificado. Por entre as salas é possível conhecer os processos de produção das xilogravuras e ainda visitar as galerias com obras de várias partes do mundo. São mais de duas mil obras que fazem parte da coleção pessoal do idealizador do Museu, o professor e escritor Antônio F. Costella.

Museu Casa da Xilogravura
Museu Casa da Xilogravura tem acervo com mais 2 mil peças

Palácio Boa Vista

Parte do Palácio oficial do Governador do estado de São Paulo, inaugurado em 1964, virou museu e os visitantes podem conhecer alguns dos 105 cômodos decorados no estilo inglês Maria Tudor. Neles, se pode apreciar obras de artistas como Anita Malfatti e Tarcila do Amaral, que participaram da Semana de Arte Moderna de 1922. O tour guiado dura 20 minutos.

D I C A: antes ou depois da visita, pare no Café do Palácio (bem em frente) e prove uma quiche de alho poró ou uma das cervejas fabricadas em Campos do Jordão.

Endereço: Av. Dr. Adhemar de Barros, 3001 – Alto da Boa Vista

Entrada: Gratuita (há estacionamento próprio)

Funcionamento: de quarta a domingo, de 10h às 17h

Palacio Boa Vista
Não é permitido fotografar o interior do palácio

Museu Felícia Leirner

São mais de 100 esculturas produzidas pela artista e espalhadas pelo jardim do Auditório Cláudio Santoro – onde acontecem apresentações do Festival de Inverno.

Do ponto mais alto do jardim se tem uma vista sensacional da Pedra do Baú. A gente indica fortemente que você vá perto do horário do pôr do sol. O espetáculo fica incrível de lá.

Endereço: Rua Luís Arrobas Martins, 1800 – Alto da Boa Vista

Entrada: R$ 10,00 (estudantes e idosos pagam meia-entrada) – há estacionamento. Entrada gratuita aos domingos

Funcionamento: de terça a domingo, de 9h às 18h

Museu Felicia Leirner
Vá ao Museu Felícia Leirner e fique para o pôr do sol

Museu Felicia Leirner

5. Parques temáticos

Bosque do Silêncio

Um pequeno bosque com atividades para adultos e crianças: tem mini golf, paintball, arvorismo, tirolesa e algumas trilhas pequenas e super agradáveis de se percorrer.

O local ainda tem uma lojinha de artesanato e um café.

Endereço: Av. Senador Roberto Simonsen, 1724 – Vila Inglesa/Capivari

Entrada: Gratuita (as atividades são pagas à parte)

Funcionamento: de segunda a sexta, de 9h30 às 18h | Sábados e Domingos, de 9h30 às 19h

Bosque do Silencio

Floresta Encantada

Atração indicada para quem viaja com crianças pequenas. Um parque lúdico, de sonho e fantasia. São várias casas de brinquedo, fabricadas para os pequenos. Cada uma delas é inspirada em uma história infantil diferente.

A diversão dos pequenos é ainda maior nos finais de semana, quando os monitores fantasiados entram na brincadeira. Há lanchonete e estacionamento.

Endereço: Rua Arandi, 270 – Caminho para o Pico do Itapeva

Entrada: de segunda a sexta R$ 5,00 | finais de semana e feriados e durante todo o mês e julho R$ 10,00 (crianças de até 3 anos não pagam)

Funcionamento: abre diariamente, de 9h30 às 17h

Tarundú

Arvorismo, bike looping, bunggy trampolim, mini golf, mini buggy, paintball, patinação no gelo e trilhas são algumas das atividades encontradas no Centro de Lazer Hípica Tarundú, que fica a poucos quilômetros da Vila Capivari, o centrinho turístico de Campos do Jordão.

O local tem restaurante e é indicado para famílias com crianças que queiram passar um dia se divertindo próximos da natureza.

Endereço: Av. José Antônio Manso, 1515 – São Cristóvão

Entrada: R$ 12,00 (crianças de até 10 anos e idosos pagam meia-entrada) – as atividades são pagas à parte

Funcionamento: Abre diariamente, de 9h às 17h

Ducha de Prata

Um pequeno parque com duchas artificiais, pedras e trilhas. Ideal para fotografar ou relaxar escutando o som das águas e da natureza ao redor.

Há estacionamento gratuito e um centro de compras ao redor da atração.

Endereço: Av. Senador Roberto Simonsen – Vila Inglesa/Capivari

Entrada: Gratuita

Funcionamento: Abre diariamente, de 9h30 às 17h30

Ducha de Prata

6. Outras atrações

Portal de Campos do Jordão

O portal emblemático marca a entrada da cidade. Logo ao chegar o visitante é recepcionado por agentes que entregam um mapa da região e podem dar dicas da cidade.

Tour Cervejaria Baden Baden

A cervejaria tradicional de Campos do Jordão oferece tours pela fábrica, que acompanham os processos de produção artesanal, ensinam sobre cada estilo de cerveja e ainda têm menu degustação.

Para fazer a visita guiada é preciso agendar pelo telefone 0800 888 1010. Essa é a única maneira de fazer a reserva e, sem ela, não é possível prosseguir com o tour.

O local tem um estacionamento próprio, uma loja e um bar container.

Endereço: Av. Mateus da Costa Pinto, 1653 – Vila Santa Cruz

Entrada: Gratuita | Tour – R$ 30,00 com agendamento prévio | estacionamento em frente – R$ 5,00

Funcionamento: abre diariamente, de 10h às 17h

Passeio de trem

Campos do Jordão é cortada por uma estrada de ferro e é possível fazer 2 passeios diferentes: de Bondinho Urbano, que vai até o Portal da cidade e retorna para a Estação Emílio Ribas; e também o Passeio de Trem que vai até a cidade de Santo Antônio do Pinhal, passando pelas lindas paisagens da Serra da Mantiqueira.

Endereço: Avenida Emílio Ribas – Vila Capivari

Entrada: Bondinho Urbano – R$ 16,00 (crianças de até 5 anos não pagam) | 30 minutos de duração

Passeio de Trem – R$ 60,00 (ida/volta) | 2h30 de duração

Funcionamento: Bondinho: a cada 30 minutos, entre 10h e 16h30
Trem até Santo Antônio do Pinhal: de quinta a domingo, às 10h; 10h25; 13h30; 14h e 14h25

Trem Campos do Jordão
A linha do trem corta a cidade e é cercada de lindas árvores

Fábricas de Chocolate

Há inúmeras fábricas e lojas de chocolate em Campos do Jordão. Algumas oferecem tours ou menu degustação. Caminhando pela Vila Capivari você encontrará várias ofertas tentadoras e vale a pena passar em alguma delas para saborear essas delícias. Os atendentes oferecem degustações e é possível comprar diversos tipos de chocolate por peso, inclusive para levar para casa.

7. Compras

O principal polo de compras em Campos do Jordão está na Vila Capivari, onde você encontrará lojas de roupas, decoração e produtos artesanais nas galerias do Shopping Center Capivari, Pátio Paris e Aspen Mall. Um pouco mais distante, em frente à Ducha de Prata está o Boulervard Ducha de Prata, que também oferece uma infinidade de lojas de malhas, couro e artesanato.

Onde comer em Campos do Jordão

Escolher onde comer em Campos do Jordão é muito tranquilo, já que a oferta de bons restaurantes é gigantesca. Os pratos em destaque são os fondues, chocolates, risotos, trutas e massas. Pratos da culinária alemã também são uma boa pedida na cidade.

À noite, os restaurantes do centrinho de Capivari ficam cheios, a maioria tem música ao vivo e aquecedores a gás espalhados por entre as mesas. Tudo para curtir o delicioso clima de inverno da cidade.

Indicamos que conheça o menu do Mercearia Campos, com uma grande variedade de carnes, pratos individuais, porções, cerveja e vinhos, com ambiente bem legal e atendimento excelente. Para quem prefere uma mesa farta com a sequência de fondue, a dica é conhecer o Villa Montese Bar & Ristorante e seu ar intimista e romântico.

Quem gosta mais do clima de barzinho, vai adorar a vibe da Esquina do Djalma, um bar tradicional em Campos do Jordão, e da Choperia Baden Baden, com cardápio de comidas alemãs, harmonizando com os chopps artesanais da casa.

Se a ideia é economizar e deixar de lado o glamour do restaurante a meia luz, nossa dica é caprichar no Pastelão do Maluf, um pastel de 35cm bem recheado e que serve duas pessoas.

Para o almoço, ou um lanche no meio do dia, vá até o Sans Souci Bistrô, que fica em Jaguaribe, um pouco fora da rota turística. Além de lindo, o bistrô ainda tem uma comida deliciosa.

O Querença da Serra é um dos restaurantes com preço moderado e que também serve o tradicional rodízio de fondue.

Independente do restaurante, vale a pena circular a pé pelo centrinho e escolher o que mais combina com o seu gosto.

Dicas para visitar Campos do Jordão:

– Fora da temporada de inverno, por mais que faça calor durante o dia, leve sempre um casaco para usar no fim de tarde, quando as temperaturas começam a cair.

– A maioria dos restaurantes e lojas aceitam cartões de crédito, mas alguns parques e atrações distantes só aceitam pagamento em dinheiro.

– A maioria das atrações mais distantes tem placas indicando o caminho, mas é bom ter um GPS à mão. Fizemos todos os trajetos por meio dos apps de localização e deu muito certo.

– Algumas atrações exigem agendamento prévio, lembre-se de fazê-los antes da viagem.

 ..

Mais destinos para curtir o frio

Guia completo para visitar Monte Verde, no Sul de Minas

Atrações em Maria da Fé, a cidade mais fria de Minas

Conheça Itamonte: cachoeiras e ecoturismo no Sul de Minas

O que fazer em Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul

.

por Nange Sá

Organize sua viagem aqui
OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro com reserva rápida e segura, opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in na Booking.com
ALUGUEL DE CARRO em até 12x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no Rentcars.com
COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto: VIDASEMPAREDES5
VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb
PASSAGEM AÉREA em oferta com até 25% OFF em até 6X sem juros no Passagens Promo
CHIP DE INTERNET com plano de dados para 140 países e conexão ilimitada. Garanta frete grátis com o cupom RBBVGRATIS e viaje conectado com a EasySim4U
INGRESSO antecipado para atrações e eventos no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com Get Your Guide
Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3



As dicas do vida sem paredes te ajudaram?

Pra não perder nenhuma informação ou roteiro, fale com a gente no FACEBOOK, INSTAGRAM, PINTEREST ou YOUTUBE

Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

2 comentários em “O que fazer em Campos do Jordão: roteiros e dicas

  • 21 de maio de 2019 em 07:00
    Permalink

    Amei as dicas!!!
    Vou passar o próximo final de semana em Campos do Jordão e era disso que eu estava precisando . Obrigada!!
    Só tenho uma dúvida. É vantajoso comprar casaco lá? Os que tenho não suportam muito frio.
    Quem mora no Rio de Janeiro não tem noção do que é frio de verdade. Abraço.

    Resposta
    • 21 de maio de 2019 em 16:47
      Permalink

      Oi Margareth. Obrigada pelo carinho. Passamos por algumas lojas em Campos do Jordão e vimos preços bem parecidos com as lojas e Shoppings aqui de Juiz de Fora. Com certeza você vai encontrar uma boa oferta e lindos modelos, mas em questão de preços, são iguais aos nossos por aqui.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.