Visitando o Parque das Águas em São Lourenço

São Lourenço é uma daquelas típicas cidades mineiras. Uma cidade que acolhe, que abraça o visitante. O clima de lá é ideal pra se tomar um “cafézin” com pão de queijo na padaria da esquina. O friozinho da Serra da Mantiqueira dá o tom do passeio. São Lourenço é um lugar de passear sem se preocupar com a hora e o jeito de cidadezinha do interior é um charme que nem o progresso conseguiu atrapalhar.

Pra muita gente, quando se fala em São Lourenço, a primeira coisa que vem à cabeça são as águas. Pudera! O Parque das Águas, além de lindíssimo, é uma estância hidromineral onde a gente encontra fontes com águas consideradas medicinais. Dizem que no século XX a cidade era muito procurada para o tratamento de doenças crônicas.

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (7)

O Parque das Águas de São Lourenço:

Entre as atrações do cartão-postal da cidade, tem um lago de 90 mil m², um circuito de minigolfe, passeio de charrete, playground, lanchonetes, pedalinhos e mais um monte de coisa bacana, tudo isso em meio a muito verde em um espaço de 490 mil m².

As nove fontes de águas naturalmente gasosas são os pontos de maior procura. A mais conhecida delas, a Fonte Oriente, é a que fornece água para a marca São Lourenço, envasada desde 1890.

Dica: as águas são bastante encorpadas. Quem quer só experimentar, deve tomar só um pouquinho de cada e escolher as preferidas pra levar pra casa (é de graça). Isso porque o consumo exagerado dessas águas pode dar um certo desconforto no organismo de quem não está acostumado.

O parque é dividido em dois setores. No setor mais antigo, o Parque I, o visitante vai se deslumbrar com a bela paisagem repleta de bosques e jardins. É lá que se encontram as fontes minerais, o Balneário para banhos, massagens e terapias, o rinque de patinação e o imenso lago para passeios de pedalinho e caiaque. Para os religiosos, existe a gruta com a imagem de Nossa Senhora dos Remédios, cheia de mensagens de agradecimento à santa. É um espaço de oração. Todo dia 6 de cada mês é realizada a Bênção das Águas no local.

O Centro Hidroterápico-Balneário SPA é um lugar moderno, mas com todo aquele charme colonial das cidades de interior. É lá que o turista pode tomar banhos de banheira e ofurô com água sulfurosa, massagens relaxantes e terapêuticas, sauna seca e a vapor, ducha escocesa, reflexologia, shiatsu, pedras quentes, ayurvédica (indiana), bamboo e drenagem linfática (ufa!). Esses serviços são pagos à parte e existe uma tabela de preços na recepção do Balneário.

Já a nova área, o Parque II, é interligada por um túnel. É o ponto certo daqueles que gostam de praticar esportes. O espaço tem quadras de peteca, vôlei e futebol de salão, além de pista de bicicross – inclusive é possível alugar as bikes – e um jardim japonês. Para os que pretendem relaxar, o Solarium, onde fica a ducha de água mineral e as espreguiçadeiras, é um ponto bastante concorrido nos dias de calor.

O Parque das águas de São Lourenço é uma atração pra mais de um dia e pra voltar sempre. Fica aberto todos os dias, das 9h às 17h. Quando fomos, a entrada custava R$ 5 para turistas. Os moradores de lá pagam meia. Quem curte correr ou fazer caminhada pode praticar por lá entre 7h e 8h, pagando ingresso de R$ 1, mas o uso é exclusivo pra essa finalidade, ok?!

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (6)

Beleza

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (11)

Na beira do lago

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (10)

Se arriscaria no pedalinho?

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (15)

Tem até miquinhos!

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (14)

Muitas pessoas deixam agradecimentos

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (12)

Bucólico

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (8)

Uma das fontes

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (5)

Ruas de São Lourenço

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (3)

Os famosos telefones públicos de lá

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (13)

Natureza em harmonia

 Como Chegar em São Lourenço:

Quem vem de carro de BH deve usar a rodovia Fernão Dias sentido SP até depois de Três Corações, pegar a BR-267 e entrar na MG-383 antes de Caxambu. Já quem vem de Juiz de Fora, basta seguir pela BR-267. Quem vem do Rio de Janeiro, pode seguir pela Dutra até a BR-354, depois, seguir até a entrada da BR-460 e continuar até São Lourenço. De São Paulo, é preciso seguir na Dutra até depois de Cachoeira Paulista e seguir as placas para a rodovia Hamilton Vieira Mendes até a Dr. Avelino Junior, que vai até a divisa entre Minas e SP e passa a se chamar MG-156. Em Itanhandu, basta seguir pela BR-354 até a entrada da BR-460 até o destino.

De ônibus, a viação Gontijo vem de Brasília, a Útil vem do Rio, a Cometa vem de São Paulo e a Gardênia vem de BH.

Anote

  • Circule à pé na cidade.
  • Nas férias e feriados, o entorno do Parque das Águas fica bastante cheio.
  • Não jogue lixo nas ruas da cidade nem no Parque das Águas.

Confira outros posts de cidades do Sul de Minas próximas a São Lourenço:

Cruzília: a cidade dos queijos deliciosos

São Thomé das Letras: tem que ver pra cer

Carrancas e suas cachoeiras incríveis

Distâncias até São Lourenço – MG:

384 Km de Belo Horizonte-MG

234 Km de Juiz de Fora-MG

266 Km do Rio de Janeiro-RJ

300 Km de São Paulo-SP

699 Km de Vitória-ES

Vida sem Paredes - Parque das Águas São Lourenço (16)

Eu e minha mãe chegando no Balneário

Parque das Águas de São Lourenço: veja mais nesse site.

Data da viagem: maio de 2016

por Nange Sá

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

3 Comments

  1. Pingback:7 estilos de viagem de acordo com seu perfil | vida sem paredes

  2. Pingback:O que há de melhor para se fazer em Caxambu | vida sem paredes

  3. Pingback:7 cidades para conhecer no sul de Minas Gerais │ vida sem paredes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *