Caminho da Luz: conheça a rota de peregrinação no Brasil

 

Não sei ao certo quando a ideia de percorrer o Caminho da Luz se “acendeu” na minha vida, mas desde que o descobri, comecei a pesquisar sobre e o interesse só aumentou.

O Caminho da Luz, inaugurado em 2001, é uma senda de peregrinação religiosa, reflexiva, ecológica, turística e esportiva que começa em Tombos, cidade da Zona da Mata mineira a 5 quilômetros da divisa com o Rio de Janeiro.

Em meio às montanhas de Minas, passa por cidades e lugarejos como Catuné, Água Santa, Pedra Dourada, Faria Lemos, Carangola, Caiana, Espera Feliz, Quicé, Pedra Menina, Galileia, Bela Vista e Alto Caparaó. A rota com cerca de 200 quilômetros no total termina no Pico da Bandeira, 3º ponto mais alto do país, considerada a montanha sagrada do Brasil, desde a época em que os índios percorriam essa rota.

O trajeto percorrido depois por tropeiros, religiosos, pesquisadores e aventureiros em busca de ouro e terras férteis, guarda lendas e histórias que merecem ser conservadas, além de muitos encantos que se apresentam a cada quilômetro, presenteando quem caminha com momentos únicos.

Veja por que vale a pena percorrer o Caminho da Luz e confira como chegar e como organizar experiência.

Trecho entre Parada General e Ernestina
Trecho entre Parada General e Ernestina
Caminho da Luz: de Tombos a Alto Caparaó
Caminho da Luz
Cachoeira de Tombos – cartão postal e marco do início do Caminho

 

Como Chegar em Tombos: início do Caminho da Luz

 

A cidade de referência é Carangola, a cerca de 28 quilômetros de Tombos, onde começa o Caminho da Luz. Os aeroportos mais próximos são os de Belo Horizonte, a cerca de 350 quilômetros e os do Rio de Janeiro, a cerca de 380 quilômetros. De Belo Horizonte para Carangola há ônibus da viação Pássaro Verde, e do Rio de Janeiro, através da viação Rio Doce. De Carangola para Tombos há vários horários de ônibus por dia para o trecho de menos de meia hora.

Para chegar de carro até Carangola, o acesso é pela rodovia BR-262 a partir de Belo Horizonte, sentido Vitória, e BR-116 para seguir pela rodovia para Fervedouro ou Divino. Quem vem do Rio de Janeiro deve pegar a BR-040 sentido Belo Horizonte até a cidade de Três Rios. Em seguida, a BR-116 sentido Salvador até Fervedouro (MG), seguindo para Carangola. De São Paulo o acesso é pela rodovia Presidente Dutra até Barra Mansa, passando por Três Rios e seguindo também pela BR-116. De Vitória o acesso é pela BR-262 e de Juiz de Fora, pela BR-267 até Leopoldina, e BR-116 até Fervedouro.

Precisa alugar um carro? Compare os preços das principais locadoras, pague em reais sem IOF e parcele em até 12x sem juros no cartão ou garanta 5% de desconto no boleto à vista no Rentcars.com

 

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in através da Booking.com

 

Caminho da Luz: rota de peregrinação no Brasil

 

São aproximadamente 200 km de um cenário perfeito para viver o desapego, a solidariedade e a superação. Incrível como em 7 dias, essa distância é capaz de ensinar tantas coisas através da reflexão ou da convivência com pessoas de todos os lugares.

Fui para a Caminhada Coletiva Oficial que começou no 3º domingo de Julho e percorri, junto com cerca de 100 pessoas, um caminho que se tornou luz, ar, cheiro, brisa, sabor, significado, energia e amor.

Não é a toa que é considerado Patrimônio Cultural de Minas Gerais.

Vida sem Paredes - Caminho da Luz (10)
Paz
As simplicidades do Caminho da Luz
As simplicidades do Caminho da Luz…
O que te espera após a curva?

 

Minha experiência no Caminho da Luz

 

O Caminho vira uma estrada para dentro de você mesmo, e a cada passo, você aprende a valorizar coisas simples.

Uma conversa, um sorriso compartilhado.

Uma sombra de uma árvore depois de horas de caminhada sobre o Sol.

Alguém vai dizer alguma coisa que você precisava ouvir.

Você vai fazer amigos.

Vai ouvir segredos.

Ouvir que, nessa realidade, mata-burros são como “portais” para outra esfera de energia.

Vida sem Paredes - Caminho da Luz (9)
“portal”
Porteira

 

Você vai ter dores.

Vai descobrir que tem pessoas com o dobro da sua idade com o triplo da disposição.

Dormir no alojamento e sonhar que está caminhando.

Ver pessoas pulando da cama, ou melhor, do isolante, às 4h da manhã com a empolgação de uma criança no Natal.

Vai achar senhoras de 66 anos usando mochila Deuter a coisa mais moderninha do mundo.

Vai descobrir que quer plantar um pé de fruta-pão em casa.

E que algumas pessoas te dizem muita coisa ao caminhar com você em silêncio.

Outras pessoas vão dividir dicas valiosas, dividir as fotos, o brinde, o esparadrapo e os planos para o próximo caminho.

No último dia, você vai se sentir muito mais inteiro do que no primeiro.

E mais leve. E ao mesmo tempo, mais cheio.

Porque começou a perceber a sabedoria da estrada.

Vai jogar algumas coisas de dentro de você fora.

E desconfiar que um passarinho cantou só pra você.

Uma ou outra lágrima vai cair sem você saber exatamente o porquê.

Outras coisas vão ganhar novo significado.

E você vai entender que tudo isso foi uma chave para você se tornar alguém melhor.

Vai se sentir muito feliz.

E vai carregar na alma aprendizados, exemplos e lembranças para sempre, em todos os caminhos da vida.

 

Belezas do Caminho
Belezas do Caminho
Vida.
Vida
Grandiosidade e Pequenez
Grandiosidade e Pequenez
Horizonte
Horizonte
Entrada da Gruta da Pedra Santa - Catuné
Entrada da Gruta da Pedra Santa – Catuné

Vida sem Paredes - Caminho da Luz (1)

 

Informações sobre o Caminho da Luz

 

  1. A pé, O Caminho da Luz geralmente é feito entre 7 e 9 dias. É possível percorrê-lo em qualquer época do ano, mas o período seco de maio a setembro é mais indicado.
  2. O circuito é todo sinalizado e a maioria dos trechos são de estrada de terra. Apenas nos primeiros dias, há algumas subidas, mas a maior parte é plana. Exceto o último dia, em que acontece a subida ao Pico da Bandeira.
  3. Para percorrer a rota, é preciso adquirir uma credencial na primeira cidade, Tombos. Ela será usada para identificar o caminhante e dar permissão de passagem em alguns trechos que estão em propriedade particular.
  4. Como no Caminho de Santiago, em cada cidade de passagem o peregrino ganha um carimbo e ao final, recebe um certificado. Muitos percorrem o Caminho da Luz a título de treinamento para o Caminho de Santiago de Compostela.
  5. Eu fiz a Caminhada Coletiva e achei que foi a melhor escolha, pela convivência e aprendizado com muitas pessoas especiais. Essa caminhada acontece algumas vezes ao ano e a edição mais tradicional é a do mês de Julho.
  6. Porém, é possível percorrer o trajeto com grupos menores ou até só. Nesse caso, a Rastro de Luz, que opera o Caminho da Luz, oferece pacotes diferenciados ou auxilia os peregrinos a organizarem toda a logística. Consulte com eles as informações sobre hospedagens e restaurantes em cada cidade e personalize sua experiência de acordo com suas necessidades. Por exemplo, se desejar “pular” algum trecho mais longo, ou porque tem poucos dias.
  7. No caso da Caminhada Coletiva, a Rastro de Luz organiza todos os detalhes: hospedagem, alimentação completa, carro de apoio, ingresso e guia para o Pico da Bandeira, translado de volta para Tombos, etc.
  8. Confira o post sobre a subida ao Pico da Bandeira.
  9. No site do Caminho da Luz é possível ver mais fotos, agenda, distâncias de cada trecho e contatos para mais informações e reservas.

 

Distâncias até Tombos – MG:

374 km de Belo Horizonte – MG
220 km de Juiz de Fora – MG
358 km do Rio de Janeiro – RJ
677 km de São Paulo – SP
295 km de Vitória – ES

Caminho da Luz – MG: 200 km de extensão

Data da viagem: julho de 2015

por Camila Coubelle

Organize sua viagem aqui
OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro com reserva rápida e segura, opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in na Booking.com
ALUGUEL DE CARRO em até 12x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no Rentcars.com
COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto: VIDASEMPAREDES5
VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb
PASSAGEM AÉREA em oferta com até 25% OFF em até 6X sem juros no Passagens Promo
CHIP DE INTERNET com plano de dados para 140 países e conexão ilimitada. Garanta frete grátis com o cupom RBBVGRATIS e viaje conectado com a EasySim4U
INGRESSO antecipado para atrações e eventos no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com Get Your Guide
Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3

As dicas te ajudaram?

Pra não perder nenhuma informação ou roteiro, fale com a gente no FACEBOOK, INSTAGRAM, PINTEREST ou YOUTUBE

Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

8 comentários em “Caminho da Luz: conheça a rota de peregrinação no Brasil

  • 7 de agosto de 2015 em 20:10
    Permalink

    Parabéns! As fotos ficaram bastante boas! O texto excelente.
    Fico feliz que o caminho e o passeio pela minha região a tenha engrandecido! 😀

    • 7 de agosto de 2015 em 22:22
      Permalink

      Obrigada! Acho que mais pessoas precisam conhecer sua região!

  • 8 de agosto de 2015 em 22:57
    Permalink

    […] ida ao Parque e a subida ao Pico da Bandeira, que estavam incluídas no Caminho da Luz, como contei aqui, e comecei a pesquisar sobre os outros pontos famosos do parque. Já sabia que, após o Projeto […]

  • 10 de agosto de 2015 em 20:09
    Permalink

    Querida Camila Coubelle a beleza está nos olhos de quem vê e se seus olhos são bons todas as cores se destacam e se acendem. Belo Blog e belas fotos. Seja sempre bem-vinda ao http://www.caminhodaluz.org.br
    Albino Neves

  • 11 de agosto de 2015 em 10:56
    Permalink

    Que lindo. Parabéns pelos textos. Dá muita saudades do caminho

  • 11 de agosto de 2015 em 10:56
    Permalink

    corrigindo: muitas saudades

  • 12 de agosto de 2015 em 23:58
    Permalink

    Me emocionei em como voce traduziu com uma simplicidade fantástica o sentimento que tive nesses 7 dias, e como deu saudade! Obrigada por traduzir em palavras as minhas emoções e sensações. Muito lindo e fotos maravilhosas

    • 14 de agosto de 2015 em 16:05
      Permalink

      Sentimentos maravilhosos lá, né?! Obrigada pela cia e pelo carinho! Abraços!

Fechado para comentários.