Dicas para se dar bem na viagem a Capitólio

 
Conheça os detalhes que vão auxiliar na sua viagem a Capitólio e planeje-se bem para curtir ao máximo esse paraíso cercado pelo Lago de Furnas, o “mar de Minas”. A cidade mineira cheia de cachoeiras e atrativos naturais é uma das mais cotadas para esse verão e para os feriados de 2017. Por isso, é importante reservar hospedagem com antecedência e traçar um roteiro para não perder nenhum detalhe das belezas da região.

Ah, e no final desse post tem um link para um guia com vários atrativos, mapa e roteiro de Capitólio. Enjoy!

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-6

Lago de Furnas

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-5

Cânion visto do mirante

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-4

Cachoeira Lagoa Azul

Dicas para a viagem a Capitólio:

 

  1. Vale mais a pena ir de carro. TODAS as atrações ficam fora da cidade, as melhores pousadas e restaurantes também. Em todo caso, há ônibus para lá a partir de Belo Horizonte e outras cidades próximas como Divinópolis, Formiga, Passos e outras. Se preciso, consulte na rodoviária de lá ou no site da viação Gardênia. Rodoviária: (37) 3373-1499. E se precisar alugar um carro, reserve com o melhor preço no site Rentcars.com.

 

  1. Se ainda assim, você quiser ir sem carro, a dica é ficar nos quartos ou camping da Pousada do Rio Turvo. Isso porque ela oferece restaurante e passeio no lago, além de ser a opção mais próxima da ponte (onde há restaurantes e de onde saem os passeios). A entrada dela fica próxima ao km 306 da MG-050 e fica a cerca de 1 quilômetro da belíssima cachoeira Lagoa Azul, a 2 da Trilha do Sol e a cerca de 6 quilômetros do mirante e da cachoeira Diquadinha, as atrações mais próximas.
    >> Consulte aqui nesse link algumas opções e reserve a partir da caixa de pesquisa da Booking.com aqui mesmo no blog Vida sem Paredes. Você não paga nada a mais por isso e colabora para que a gente continue dando dicas para muitos viajantes.

 

  1. Para fazer os passeios de chalana ou catamarã, RESERVE com bastante antecedência pelo site, pois a disponibilidade de horários é menor e as opções se esgotam rápido. Quando consultei na alta temporada não havia ingressos para antes de um mês.

 

  1. É possível pagar os passeios de LANCHA com cartão, mas somente nos escritórios e quiosques e isso implica em reservar um horário. Para contratar a qualquer hora e diretamente na beira do lago, somente no dinheiro.

 

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-8

Cânion

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-1

Cachoeira Diquadinha

 

  1. A cidade está em alta e fica BASTANTE CHEIA em feriados prolongados e fins de semana. Reserve hospedagem com antecedência, pois vi pessoas que foram sem reserva e não encontraram opção. Um pessoal foi para um motel na estrada, o outro grupo eu não sei o que decidiu.

 

  1. Não há muitos restaurantes dentro da cidade, nem padarias. O melhor é procurar por um na rodovia mesmo para não ficar muito longe dos passeios. Só do trevo de Capitólio até o centro são cerca de 3,3 quilômetros, então, deixe para ir lá somente quando e se necessário, visto que as atrações ficam fora da cidade e lá dentro há apenas uma praia artificial ainda em obras. Do centro de Capitólio para o balneário Escarpas do Lago, onde também há ótimos restaurantes, são cerca de 5 quilômetros.

 

  1. Algumas das mais bonitas cachoeiras ficam em propriedade particular e cobram taxa de visitação. Lembre-se que esse valor é pago em DINHEIRO e em alguns lugares, até mesmo os restaurantes da estrada, algumas vezes ficam sem sinal de internet por estarem distantes da cidade e não conseguem aceitar cartões.

 

  1. Leve repelente na sua viagem a Capitólio: será muito útil para visitar o mirante e as cachoeiras, principalmente as que NÃO têm infraestrutura de bar e restaurante e são mais, digamos, rústicas! A Nange voltou com o pé inchado de picadas de mosquitinhos invisíveis.

 

  1. Há dois postos de gasolina dentro de Capitólio, na rua principal que corta a cidade. Os preços variam bastante de um para o outro, então vale consultar. Tivemos ótima recomendação do posto que fica a cerca de 500 metros saindo pelo trevo de Capitólio à direita, sentido Belo Horizonte, então só abastecemos lá. Gastamos cerca de R$ 150,00 apenas para rodar nas atrações durante os quatro dias que ficamos na cidade.

 

  1. Há vários mercadinhos e também um mercado maior na rua que corta Capitólio que funciona até às 20h (no domingo até às 13h) e não há caixa eletrônico 24 horas.

 

  1. Todos os centros de informação turística são particulares e também vendem passeios no lago, sendo alguns escritórios próprios e outros que enviam clientes para as embarcações, ganhando comissão. Tivemos dificuldade em encontrar folders ou mapas da cidade neles e alguns realmente te dão informações você fechando ou não um passeio lá. Porém, outros só dão informação (pasmem) se for interessante para eles. Foi a primeira vez na vida que perguntei por uma rua em um escritório que vendia passeios e a pessoa não quis informar. Na Capitart, loja de artesanato local que fica na rua que corta a cidade, funciona um Centro de Informações Turísticas.

 

  1. É possível conciliar Capitólio com o Parque Nacional da Serra da Canastra, onde estão inúmeras cachoeiras incluindo a Casca d’Anta, com 168 metros de queda (a primeira queda do Rio São Francisco). Para visitar, basta seguir até a cidade de Pimhuí, distante cera de 17 quilômetros de Capitólio sentido BH, e lá dentro pegar a saída para o distrito de Vargem Bonita (distante cerca de 50 quilômetros), onde está o acesso para a portaria do parque e a trilha para a parte baixa da cachoeira. Em São Roque de Minas, cerca de 10 quilômetros depois de Vargem Bonita, está a portaria do parque que dá acesso à nascente do Rio São Francisco e à parte alta da cachoeira. DICA: Lá na cidadezinha há inúmeras fazendas para se comprar o autêntico queijo canastra direto da fábrica. Saiba mais aqui.

 

vida-sem-paredes-dicas-capitolio-3

Lago de Furnas

Capitólio - MG

Mirante dos cânions

 

Se você tiver mais alguma dúvida, deixe um comentário. E não se esqueça de compartilhar esse post com aquela pessoa que você tem certeza que vai amar Capitólio!

 

Fizemos um guia com atrações, dicas de onde comer, o que fazer e onde ficar em Capitólio. E de quebra, tem um PDF lá com a lista de atrações citadas e seus respectivos endereços para facilitar sua viagem a Capitólio. Confira aqui:

Capitólio: o que fazer, onde comer e onde ficar


 
>> Faça uma cotação de seguro viagem através desse link e aproveite sua próxima viagem com tranquilidade. Ao cotar usando nossos links você não paga nada a mais e ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagens. Use nosso CUPOM DE DESCONTO EXCLUSIVO e ganhe 5% de desconto no seu seguro.

Cupom: VIDASEMPAREDES5


Capitólio – MG: cerca de 9 mil habitantes | cerca de 740 m. de altitude
Data da viagem: novembro de 2016

Por Camila Coubelle

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

13 Comments

  1. Pingback:Capitólio: o que fazer, onde comer e onde ficar | vida sem paredes

  2. Oi, Camila! Vou a capitolio no carnaval… Pode me dizer com relação ao clima de noite? O tipo de roupa que devemos levar (para tudo)!… Obrigada!

    • Olá Luciana! Em novembro o clima estava bem quente durante o dia e mais ameno durante a noite, mas nada que exigisse casaco ou roupas quentes. boa viagem!

  3. Oi Camila!
    A viagem de vocês durou quantos dias?

    Beijos,

    • Olá Carol! Ficamos 4 dias em Capitólio. Tem um outro post aqui com as atrações de lá e um roteirinho para download. Vale a pena conferir! Boa viagem!

  4. Olá pessoal! Estou querendo ir a Capitólio em Junho! Seria uma boa opção? Faz muito frio nesta época na cidade?

  5. Olá! Parabéns pelas dicas.
    Gostaria de saber se é possível aproveitar Capitólio por 3 dias sem carro?

    Tem opções de Taxi ou Uber pela cidade? Ou até mesmo ônibus?

    • Vida sem Paredes

      Oi Felipe! Apenas táxi, e mesmo assim, ficam dentro da cidade. Todas as atrações estão fora da mesma, então, para aproveitar, a dica é ficar hospedado perto da Ponte do Rio Turvo e priorizar as atrações próximas. Abraços

  6. Olá, tudo bem? Estou pensando em ir em Julho, será que o tempo nessa época é ruim?

    • Tudo ótimo! A cidade não é das mais frias. Aí vai depender das suas expectativas, por exemplo, a gente iria e não vemos problema quando água está fria. Vale também conferir a previsão antes. Abraços

  7. Gabriela Almeida Pires

    Qual lugar vcs ficaram?

    Não achei o roteiro para baixar, pode me enviar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *