8 motivos para visitar o Museu do Amanhã

 

Atualizado em maio/208.
Visitar o Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, é a última sensação dos cariocas e dos turistas de todas as partes do país. Logo que foi inaugurado, em 2015, filas quilométricas tomaram conta da Praça Mauá, cheinhas de pessoas de todas as idades, curiosas por saber qual o segredo do Museu do Amanhã para atrair tanta gente.

O local é seguro, tem acesso fácil via VLT, ônibus ou metrô, tem bons lugares para comer perto e outras atrações para conciliar, como o Mural Etnias de Eduardo Kobra e o MAR – Museu de Arte do Rio.

Confira as dicas e descubra por que visitar Museu do Amanhã.

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (13)

a Praça Mauá ao fundo

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (14)

Um pôr do sol incrível também é obra de arte

 

O que o Museu do Amanhã tem de legal?

 

1) Cores, Movimento, Interatividade

 

Todo mundo sabe o poder que essas três coisas exercem sobre qualquer olhar. No Museu do Amanhã é assim: cores fortes, belas imagens, informações em movimento, impacto visual… tudo é capaz de fisgar nossa atenção por horas.

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (5)

Terra

 

2) Uma proposta bacana de reflexão

 

O Museu do Amanhã coloca no mesmo plano a formação do planeta, a época em que vivemos e o futuro que queremos viver. Desse modo, podemos ter uma visão panorâmica e conectar fatos que nos revelem respostas para um futuro melhor para o planeta e para nós, pautado em práticas sustentáveis.

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (10)

Cosmos

 

3) Fácil Acesso

 

O Museu do Amanhã fica na Praça Mauá, na zona portuária no centro do Rio de Janeiro. Tem muitas linhas de ônibus oriundas de várias partes da cidade que deixam na porta. A estação Uruguaiana do Metrô está a dez minutos dali. Ainda há trem, barcas e bicicletário para que ciclistas guardem as bikes. E o Aeroporto Santos Dumont também está pertinho.




 

4) Passeios Casados

 

Além do Bilhete Único dos Museus que dá desconto para a compra do Museu do Amanhã + MAR – Museu de Arte do Rio, que também fica ali na Praça Mauá, a região tem mais um monte de opções de passeios culturais, como o Museu Nacional de Belas Artes, o CCBB, o Centro Cultural dos Correios e outros. Dá para escolher seu preferido e conciliar.

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (2)

Vista panorâmica do Mirante do MAR – Museu de Arte do Rio

 

5) O entorno

 

Atravessando a rua na direção oposta à da Praça Mauá há muitos restaurantes para todos os gostos e bolsos. Na Praça, Food Trucks com especialidades gourmet. No fim de tarde, um pôr do Sol maravilhoso cheio de espectadores descontraídos e tentativas de uma foto perfeita.

O Museu do Amanhã ajudou a revitalizar o espaço através do Projeto Porto Maravilha na zona portuária do Rio. Enfim, dá para passar um dia inteiro por ali.

 

6) Informação

 

A trajetória do planeta nos é contada de uma forma totalmente lúdica e interessante. Com conteúdo em português, inglês e espanhol, o Museu do Amanhã oferece vasto conhecimento a respeito de nossa história na Terra, de forma fácil de ser absorvida devido à disposição ilustrada em que é apresentado.

É claro que talvez seja difícil conferir tudo em uma única visita, mas tenha a certeza que você terá impressões diferentes a cada vez que voltar.

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (11)

Cosmos

 

7) Personalização

 

Nas telas interativas, a assistente digital IRIS ajuda a tornar a experiência personalizada na Exposição Principal: Cosmos, Terra, Antropoceno, Amanhãs e Nós. Através de cadastro, é possível conferir seu “status” de visitação e participar dos quizzes. Mas o mais legal de tudo isso é que cada pessoa é impactada de uma forma diferente e pode chegar às respostas sobre o amanhã que quer a partir de suas próprias referências anteriores e contexto social. O museu é único para cada visitante.

 

8) Todo o resto

 

Ainda tem a exposição temporária do primeiro andar, que na minha visita, expunha uma divertida história em “O poeta voador, Santos Dumont”, tem lojinha e café também no primeiro andar, tem a venda de ingressos pela internet, a fim de diminuir a espera nas filas, tem gratuidade para o público geral às terças feiras, tem o Laboratório de Atividades do Amanhã, que oferece oficinas, palestras e discussões sobre os avanços tecnológicos e seus impactos, e outras coisas mais que você só vai descobrir indo. Aproveite!

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (12)

Exposição Temporária: “O poeta voador, Santos Dumont”

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (8)

Janela para o Espelho D’água, abastecido pela Baía de Guanabara para climatizar o museu

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (7)

Nós

 

Dicas para visitar o Museu do Amanhã:

 

1) Leve protetor solar e até guarda-chuva para usar enquanto estiver na fila de entrada.

2) Se preferir, leve uma garrafinha para reabastecer a água nos bebedouros e não ter que ficar indo lá toda hora.

3) Leve câmeras ou celular bem carregados pois lá não há tomadas. Mas péra! Se acabar sua bateria, passe no MAR e use as tomadas nas pilastras no hall de entrada.

4) Leve um lanchinho básico para enquanto estiver na fila.

5) Se você estiver com uma bolsa ou mochila grande, será necessário deixar no guarda-volumes.

6) Observei que por volta das 9h30 da manhã a fila ainda estava bem pequena, então, procure chegar nesse horário.

7) A Estação mais próxima do metrô é a Uruguaiana. De VLT, use a linha 1 (azul) sentido aeroporto Santos Dumont ou sentido Rodoviária | Praia Formosa e desça na “Parada dos Museus”.

 

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (6)

Museu do Amanhã

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (4)

Museu do Amanhã (repare na fila)

Vida sem Paredes - Museu do Amanhã (3)

Exposição Temporária: “O poeta voador, Santos Dumont”

 

S E R V I Ç O

Museu do Amanhã

  • Praça Mauá, 1, Centro
  • Funcionamento: terça a domingo de 10h às 18h
  • R$ 20,00 inteira / R$ 10,00 meia
  • O Museu está sujeito a lotação e explica melhor no site. Confira lá também todos os públicos que têm direito à meia entrada ou gratuidade.

 


Leia mais:

Confira essa dica de hospedagem para sentir em casa e se você curte passeios outdoor, confira nosso relato ilustrado sobre a mais nova trilha de longo percurso no Rio:

Solar do Cosme: dica de hospedagem na zona sul do Rio

Trilha Transcarioca: parte 1

Você ganhou R$130 em créditos de viagem para usar no Airbnb. Resgate aqui.


 

Organize sua viagem aqui no vida sem paredes

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in através da Booking.com

Precisa alugar um carro? Compare os preços das principais locadoras, pague em reais sem IOF e parcele em até 12x sem juros no cartão ou garanta 5% de desconto no boleto à vista no Rentcars.com

Faça uma cotação de seguro viagem, compare os preços de várias seguradoras e pague em até 12x ou com desconto no boleto bancário no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto e viaje tranquilo: VIDASEMPAREDES5

Ao reservar com um de nossos parceiros através dos nossos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3

 

8 motivos para visitar o Museu do Amanhã
Data da viagem: maio de 2016

 

Por Camila Coubelle

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

2 Comments

  1. Vou ao Rio em outubro para um festival e as suas dicas me ajudaram muito… Obrigado e parabéns, vcs são sensacionais! ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *