As melhores coisas para se fazer em Cusco

 

Cusco é uma palavra gostosa de falar. É uma cidade gostosa de estar. Cusco é cheia de gente do mundo inteiro indo de lá para cá por suas ruas inundadas de história, com cada canto cercado de atrações turísticas para todos os gostos.

Tem balada? Sim! Tem circuito cultural? Tem sim senhor! Tem passeio arqueológico? Claro! Tem lugares lindos? Ô se tem! Tem para aventureiro, família, baladeiro, viajante solo, galera reunida, tem para todos os gostos, estilos e bolsos. Não é a toa que é uma das cidades mais visitadas do Peru!

Confira as dicas, onde se hospedar e o que tem de interessante para fazer em Cusco, confira ofertas de passagem aérea nesse link e coloque a capital do império inca no topo da lista dos seus próximos planos de viagem.

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (17)
Cusco vista do alto: linda!
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (9)
Plaza de Armas

 

Onde se hospedar em Cusco, Peru:

 

Cusco tem milhares de opções de hospedagem e o ideal é ficar nos arredores da Plaza de Armas, praça principal da cidade, bem no coração do centro histórico. A praça concentra muitas opções de serviços, casas de câmbio, bares e restaurantes, agências, e é ponto de partida para visitar a maioria das atrações de Cusco.

Nao Victoria Hostel é um albergue muito bem avaliado que oferece tanto quantos privativos quanto compartilhados. E o Hostal Qosqo é um 3 estrelas com ótima avaliação. O Hostal Inti Wasi Plaza de Armas é bem conhecido e fica em um belo prédio colonial. Os três ficam bem perto da praça.

Casa De Mi Abuelo Hostal e o Feel at Home são opções de hotel econômico bem avaliados.

Já o JW Marriott El Convento Cusco é uma opção 5 estrelas com ótima avaliação.

 

NÃO ESQUEÇA O SEGURO VIAGEM! Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo. Pague em até 12x e aproveite nosso cupom de desconto exclusivo: VIDASEMPAREDES5

 

O que fazer em Cusco:

 

  1. Machu Picchu

 

O passeio que tanta gente sonha em fazer é realmente indescritível. Estar na cidade perdida dos incas, entre aquelas pedras meticulosamente trabalhadas, em um profundo vale cercado de montanhas que fazem parecer um outro universo é uma experiência loucamente maravilhosa. Eu não queria ir embora. A energia de lá é pulsante. Machu Picchu é o mais importante passeio feito a partir de Cusco.

> Leia também: Como comprar o ingresso de Machu Picchu pela internet

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (13)
A cidade perdida dos incas

 

VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb

 

  1. Vale Sagrado dos Incas

 

O tour passa por vários povoados e sítios arqueológicos pelo vale do rio Urubamba e faz parte dos mais de 50 mil quilômetros de caminhos incas. Entre as montanhas que abrigavam a civilização que dominava a agricultura, a astronomia e a arquitetura em pedras, passamos por Ccorao, Mirante de Taray, Pisaq, Urubamba, Ollantaytambo e Chinchero. É preciso pagar um boleto turístico de 70 soles que dá direito a visitar esses sítios arqueológicos do vale, além dos museus de Cusco (é válido por 2 dias consecutivos). A maioria das agências oferece o passeio com van e guia bilíngue. Pagamos 25 soles (abril de 2016), e você pode incluir ou não o valor do almoço por 30 soles (abril de 2016), mas vale muito a pena!

> Leia também: Valle Sagrado dos Incas

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (19)
Ollantaytambo

 

  1. Plaza de Armas

 

A praça principal de Cusco é bastante movimentada. É em volta dela que estão as dezenas e dezenas de agências que você provavelmente vai contratar seus passeios. Ali também estão os cafés e restaurantes super charmosos com suas sacadas de onde se tem uma vista linda da cidade e da praça. Ali estão igrejas centenárias e lindíssimas como a Basílica Catedral de Cusco e o Templo de La Compañía de Jesus. No nosso último dia na cidade, ficamos ali nos bancos da praça bastante tempo, observando o vai-e-vem e as milhares de fotos que os turistas faziam.

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (15)
Basílica Catedral de Cusco ao fundo

 

  1. Trilha Salkantay

 

Entre as diversas possibilidades para se chegar a Machu Picchu, nossa escolha foi a radical Trilha Salkantay, de 5 dias e 4 noites por cenários gelados e deslumbrantes da grande cordilheira de Vilcabamba nos Andes. Com cerca de 74 quilômetros em altitudes elevadas, longe de tudo, passando por pequenos povoados, a trilha tem beleza suficiente para compensar a subida e é mais barata e menos cheia do que a tradicional Trilha Inca, o circuito mais famoso para Machu Picchu.

> Leia também: Como contratar e o que levar na Trilha Sakkantay 

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (7)
Rumo aos 4.650 m. de altitude, ponto culminante da trilha
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (1)
Laguna Umantay – 1º dia da trilha

 

  1. Barzinhos, cafés e restaurantes

 

Os bares de Cusco podem te trazer a mesma sequência de problemas que trouxeram para mim: querer ir em todos, não ter tempo suficiente para isso, não conseguir se decidir. São tantos, com suas sacadas, seus cardápios variados e elaborados, seus drinks, seu burburinho no fim de tarde… ai! Não deu para ir em todos mas deu para saber que a maioria deles vai te render os melhores momentos.

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (2)
Repare nas sacadas (7h manhã, por isso está vazio, rs)
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (10)
Plaza de Armas iluminada, vista da sacada

 

  1. Mercado San Pedro

 

O legal do mercado San Pedro bem ali no centro de Cusco é que ele é típico local, onde os cusquenhos compram de tudo, desde comidas e iguarias até roupas. Tem gente que pode torcer o nariz para as carnes de frango espalhadas em algum balcão, mas o lugar é muito interessante. Tem também bastante artesanato, lãs e outras coisas para trazer de lembrança para os amigos.

Nós passamos um bom tempo lá, porque eu sou dessas que precisa ver tudo, e compramos muita coisa legal e barata. Coisas que têm aos montes com precinho inacreditável é castanha, quinoa, chia e outras que comprei a preço de banana para comer enquanto estava lá. Alguns me questionaram por que não trouxe para o Brasil (rs).

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (5)
Entrada principal
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (6)
Tem de tudo lá

 

CHIP DE INTERNET com plano de dados para 140 países e conexão ilimitada. Garanta frete grátis com o cupom RBBVGRATIS e viaje conectado com a EasySim4U

 

  1. Baladas

 

Altas horas da noite a gringaiada com pique se reúne entre drinks e música. Boates e pubs estavam fervendo quando estivemos lá e nós ganhávamos pulseiras na rua durante o dia. Vale a pena separar um dia para acordar mais tarde e curtir a noite cusquenha, afinal, a vida noturna é um ótimo lugar para interagir com gente animada do mundo inteiro.

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (11)
A Cusquenha é a cerveja mais bebida na cidade

 

  1. Museus

 

Muitos dos museus de Cusco estão no centro e podem ser visitados com o mesmo Boleto Turístico comprado para o Vale Sagrado. É neles que você verá coleções de artefatos incas, peças coloniais, roupas, os tecidos peruanos feitos com tanto talento pelas mãos quéchuas e aymarás e todos os aspectos da cultura e da história desse gigante império. O Museu Histórico Regional e o Museu Inca são os mais conhecidos, mas a lista é bem maior.

Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (18)
Hall de entrada
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (16)
Ruas do bairro San Blás, o mais emblemático de Cusco
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (12)
A rua das baladas
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (8)
As ruas são cheias de cholas, ou cholitas, nativas aymarás, com suas lhamas ou alpacas para que turistas façam fotos em troca de algum dinheiro
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (4)
Arco de Santa Clara ao fundo
Vida sem Paredes - melhores coisas para fazer em Cusco (14)
Nessa foto já tínhamos comprado nossas blusas de lã!

 

ALUGUEL DE CARRO para visitar Cusco em até 12x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no Rentcars.com.

 

Outras informações sobre Cusco:

 

  1. Ao contrário do imaginamos inicialmente, a cidade base para a visita a Machu Picchu não é cara. Achei que os preços que pagamos pelos passeios foram justos.
  2. As casas de câmbio ficam na Plaza de Armas.
  3. Pagamos 20 soles por pessoa em um hostel com quarto para dois, com banheiro privado e café da manhã (confira todos os hostels que nos hospedamos durante nosso mochilão aqui).
  4. Almoçávamos por 20 soles o Menu Turístico incluindo entrada, prato principal, drink e sobremesa em ótimos restaurantes, enfim… é mais um motivo para colocar Cusco no topo da sua lista de destinos de viagem.
  5. Fechamos todos os passeios lá mesmo. É muito fácil fazer isso e pagamos tudo em soles. Foi bem tranquilo e a oferta de agências é grande, dá para pesquisar e pechinchar bastante sem perder muito tempo, já que tudo em volta da praça.

 

Tem Trilha Inca, city Tour, Moray e Maras, outro Tour por Sacsayhuaman, Qenqo, Tambomachay e Puca Pucara, tem o Templo do Sol ou Coricancha, a pedra dos 12 ângulos, tem outras igrejas e museus e mais um monte de coisa legal para fazer a partir de Cusco, mas dessa vez, essas foram nossas experiências. Foram as melhores, mas seja lá o que se fizer nessa cidade mágica, há de ser o melhor!

Conta para gente nos comentários o que mais você fez por lá!

 

Dicas de atrações e o que fazer em Cusco – Peru: cerca de 350 mil habitantes | cerca de 3.400 metros de altitude

Data da viagem: abril de 2016

Por Camila Coubelle

 
Cusco: Get Your Guide
 

Organize sua viagem aqui
OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro com reserva rápida e segura, opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in na Booking.com
ALUGUEL DE CARRO em até 12x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no Rentcars.com
COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto: VIDASEMPAREDES5
VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb
PASSAGEM AÉREA em oferta com até 25% OFF em até 6X sem juros no Passagens Promo
CHIP DE INTERNET com plano de dados para 140 países e conexão ilimitada. Garanta frete grátis com o cupom RBBVGRATIS e viaje conectado com a EasySim4U
INGRESSO antecipado para atrações e eventos no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com Get Your Guide
Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3

As dicas te ajudaram?

Pra não perder nenhuma informação ou roteiro, fale com a gente no FACEBOOK, INSTAGRAM, PINTEREST ou YOUTUBE

Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa. Aqui você encontra muitas dicas, roteiros, guias de destinos incríveis pelo mundo. A gente divide nossas experiências para inspirar as suas.

10 comentários em “As melhores coisas para se fazer em Cusco

  • 18 de agosto de 2016 em 10:07
    Permalink

    […] ânimo de seguir para o ponto de partida da Trilha Salkantay. Na esquina em frente ao hostel em Cusco, os minutos demoravam uma eternidade antes que a van nos pegasse para seguir a viagem de duas horas […]

    Resposta
  • 22 de agosto de 2016 em 09:16
    Permalink

    […] saber o que mais tem de interessante em Cusco? Então confira aqui no Vida sem Paredes um post com dicas do que fazer na […]

    Resposta
  • 8 de novembro de 2016 em 07:01
    Permalink

    […] estivemos em muitas cidades do Peru, mas Cusco basta para voltar de lá com uma experiência incrível pelos sabores desse país cuja base da […]

    Resposta
  • 2 de janeiro de 2017 em 11:12
    Permalink

    […] As melhores coisas para se fazer em Cusco […]

    Resposta
  • 4 de janeiro de 2017 em 16:23
    Permalink

    Olá, Camila, Julio Raminho. Olhar em seu blog, sobre a viagem a Cusco e Machu Picchu, me trouxeram boas recordações, Realmente é maravilhoso. Parabéns pelo blog. Excelentes dicas. Abraço

    Resposta
    • 5 de janeiro de 2017 em 09:20
      Permalink

      Oi Julio querido! Obrigada pelo carinho e pelo feedback! Também tenho as melhores recordações de lá! abraços!

      Resposta
  • 4 de janeiro de 2017 em 16:26
    Permalink

    Olá, Camila, Julio Raminho. Boas dicas, e trazem boas recordações de Cuzco e Machu Picchu. Abçs

    Resposta
  • 13 de abril de 2017 em 14:26
    Permalink

    Camila boa tarde,
    Os vales do trem você comprou lá ? ou comprou antes também?
    O passeio do valle sagrada acaba por volta de que horas?
    Pensei em aproveitar e sair de ollantaytambo para aguas callientes.

    Resposta
    • 13 de abril de 2017 em 16:56
      Permalink

      Olá Sabrina! Os tíquetes do trem estavam incluídos no pacote da agência e compramos 2 dias antes lá mesmo em Cusco. Veja com a agência para você conciliar, pois quando fiz o passeio no Valle Sagrado, várias pessoas do grupo ficaram em Ollamtaytambo para pegar o trem (o guia os ajudou) para Aguas Calientes. Nesse caso, perdem o último lugar do tour no Valle, que é Chinchero. Tem post aqui no blog sobre o tour. Abraços!

      Resposta
  • 16 de janeiro de 2018 em 16:10
    Permalink

    […] Após o jantar, ele distribuiu as entradas de Machu Picchu (exceto para nós, que compramos pelo site antes de ir), nos entregou os kits de café da manhã e os bilhetes do trem. Quanto mais tarde o trem, mais barato era o pacote da trilha e optamos pelo horário de 21h30, o que nos garantiu um preço excelente para o pacote: 575 soles por pessoa, sem o ingresso de Machu Picchu. Para o dia seguinte, nosso plano era jantar em Aguas Calientes mesmo e ficar no restaurante aguardando o horário do trem, já que nossas mochilas ficariam no hostel. A viagem levaria 1h45 até Ollantaytambo, onde uma van nos esperaria para mais 2h de viagem de volta a Cusco. […]

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.