Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile

 

Não sei se são suas praias azuis ou seu ar sofisticado, mas Viña del Mar é uma das cidades mais visitadas do Chile. Banhada pelo Oceano Pacífico e distante apenas 120 quilômetros da capital Santiago, o destino aparece no roteiro de quase todo mundo que visita o país.

A cidade é essencialmente turística e tem uma ampla rede hoteleira, além de inúmeros restaurantes, a maioria especializada em frutos do mar.

Durante o verão, Viña del Mar fica disputadíssima, até pelos próprios chilenos, por causa das praias. Mas a cidade é muito procurada por turistas do mundo inteiro em todas as épocas do ano.

Apesar de grande, é fácil conhecer os principais pontos turísticos de Viña del Mar em um bate-e-volta a partir de Santiago. Muitas agências oferecem esse passeio casado com a vizinha Valparaíso. Mas também é muito fácil de ir por conta própria. Tem ônibus de meia em meia hora a partir de Santiago e a viagem dura 1 hora e meia. Além disso, é fácil circular de ônibus dentro da cidade.

Confira o que fazer em Viña del Mar – conhecida como Cidade Jardim, como chegar por conta própria de ônibus, como circular e aproveite as dicas para visitar.

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile

Playa El Sol vista da passarela Muelle Vergara

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile

Playa Blanca

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile

Orla da Av. San Martín

 

DICAS:

Onde trocar dinheiro em Viña del Mar: você encontra várias casas de câmbio no centro da cidade. Só na rua Arlegui, que fica perto do Museu Fonk, tem umas dez.

Melhor época para visitar Viña del Mar: a cidade é muito visitada o ano todo. Mas durante o verão, será muito mais agradável, não só pelo clima, mas porque os dias são mais longos. Escurece lá pelas 21h e dá para aproveitar mais. No verão também há pouco risco de chuvas. Para curtir o Festival de Viña del Mar, vá em fevereiro, mas não se esqueça de comprar ingresso e reservar hospedagem com antecedência.
Quantos dias? Para aproveitar todas as atrações citadas com calma, recomendamos uns 3 dias. Mas dá para aproveitar bem em 2 ou até mesmo 1, se você tiver pique para um dia tipo das 8h às 21h.

 

Principais pontos turísticos de Viña de Mar:

 

  1. Relógio das Flores

 

É o ponto turístico mais famoso de Viña de Mar, parada obrigatória. Tanto que é difícil encontrar uma beirada para fazer uma foto. Foi inaugurado em 1962 e já sofreu com os terremotos do Chile, mas claro, voltou a florir. Fica pertinho da praia Caleta Abarca, é só atravessar a rua. Qualquer ônibus vindo de Valparaíso passa em frente.

  • Rua Alamos 590, Viña del Mar

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Relógio das Flores

 

  1. Castelo Wullf

 

Muitos que o visitam querem apenas apreciar a vista privilegiada do litoral. Mas o castelo também recebe importantes exposições de arte itinerantes. No seu interior, outros pontos de interesse são o deck e o terraço (com a vista melhor ainda) e o piso de vidro que permite ver as ondas batendo nas pedras. A construção de 1905 lembra uma casa medieval e foi eleita monumento nacional em 1995.

Dá para ir a pé a partir do Relógio das Flores ou da praia Caleta Abarca, são só uns 10 minutinhos.

  • Rua La Marina, 36
  • Funcionamento: terça a domingo das 10h às 13h30 e das 15h às 17h30

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Castelo Wullf

 

  1. Praias

 

Quem visita Viña del Mar não perde por nada a chance de pisar no Pacífico. Realmente, as praias são muito bonitas, de um azul fantástico. Mas já vou avisando, são extremamente geladas, mesmo no verão, venta muito e as ondas são muito fortes.
As praias também têm um clima bem diferente do que estamos acostumados no Brasil, então, pode ser que você não curta muito. Elas têm poucos quiosques, alguns não vendem cerveja, e não é difícil ver até mesmo os chilenos com roupa de frio.

As mais visitadas são a Caleta Abarca e a Reñaca. A primeira é pequena e tem ondas mais fracas. A segunda é a maior, mais badalada e com mais quiosques e bares na orla.

As praias Acapulco, El Sol, Los Marineros, Blanca, Los Enamorados e Los Cañones ficam uma após a outra e podem ser visitadas em uma caminhada de cerca de uma hora pela orla. Elas são bem mais vazias, e bem mais bonitas. Também tem a Salinas, pouco antes da Reñaca.

Conheça melhor as principais praias em Viña de Mar e veja onde ficam.

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Playa Acapulco

Playa Acapulco, passarela Muelle Vergara lá no fundo

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Playa Caleta Abarca

Playa Caleta Abarca

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Playa Los Enamorados

Playa Blanca

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Playa Reñaca

Playa Reñaca bem cedinho. Fica mais cheia à tarde.

 

  1. Muelle Vergara

 

Fica na Av. San Martín, entre as praias Acapulco e El Sol. A passarela que vai em direção ao Pacífico tem bonitos mirantes para o mar e para a orla. A estrutura que já fez parte de um complexo industrial hoje é patrimônio histórico e foi restaurada para ser um ponto turístico. Por ali, vemos as pessoas circulando, fotografando, olhando os pescadores, admirando o mar…

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Muelle Vergara

Passarela Muelle Vergara: ótima vista do Pacífico

 

  1. Museu Fonk

 

O grande barato de visitar o Museu Fonk é que ele tem a maior concentração de informações sobre a Ilha de Páscoa. São mais de 1400 objetos arqueológicos e etnográficos da cultura Rapa Nui, além de tesouros indígenas de culturas anteriores aos colonizadores.
Ainda tem um acervo de História Natural e em seu jardim está um dos 6 moais verdadeiros que estão fora da Ilha de Páscoa. Muitos vão até o jardim só para vê-lo, mesmo que não entrem no museu. Além do moai, há mais duas esculturas de pedra no jardim, tudo com placas de informações.

Os ônibus que vêm de Valparaíso e vão para a praia Reñaca passam em frente ao museu (confirme antes de entrar no ônibus), mas dependendo de onde você estiver, também vale ir de Uber.

  • Rua Cuatro Norte, 784
  • Funcionamento: segundas, domingos e feriados das 10h às 14h, e de terça a sábado das 10h às 18h
  • Ingresso: 2.700 pesos (cerca de R$14,00 fev/2018)

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Museu Fonk

 

  1. Feira de Artesanato

 

Distante menos de 5 minutos a pé do Museu Fonk, a Feria Internacional de Artesania tem entrada liberada e funciona durante todo o mês de fevereiro, das 10h às 23h. Tem artigos variados de mais de 10 nacionalidades e vale uma visitinha para garimpar algo, mas só se você tem muito interesse em coisas étnicas. Lá também tem banheiros e praça de alimentação.

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Feira de Artesanato

Um dos corredores da Feira de Artesanato de Viña del Mar

 

  1. Dunas de Concón

 

As dunas são muito bonitas e têm uma vista incrível do Pacífico, mas achei o lugar meio desleixado, com um pouco de lixo. O pessoal vai no fim de tarde para ver o pôr do sol, mas para falar a verdade, vale mais a pena ir um pouco antes desse horário e depois voltar para a praia Reñaca para ver o pôr do sol bebendo alguma coisa, né?!

Essa atração fica depois da praia Reñaca e dá para pegar ônibus tanto de lá, quanto das outras praias, e até de Valparaíso. Eles te deixam “na porta” e por ali tem aluguel de pranchas para descer nas dunas. Custa 1.000 pesos por hora (cerca de R$5,00 fev/2018).

Ah, o nome oficial é Campo Dunar Punta Concon caso precise olhar no Maps.

Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Dunas de Concón Melhores pontos turísticos em Viña del Mar, Chile: Dunas de Concón

 

  1. Cassino Viña del Mar

 

De frente para a praia, o cassino construído em 1930 é conjugado com um resort e oferece restaurantes, bares, boate e spa. São mais de 1.200 máquinas, além de 48 mesas de jogos, com um clima bem luxuoso.

  • Avenida San Martin, 199
  • Funcionamento: 24 horas

 

  1. Parque Quinta Vergara

 

A grande área verde abriga o Museu Nacional de Bellas Artes e um anfiteatro, onde acontece anualmente o Festival Internacional de la Canción de Viña del Mar, realizado desde 1960. O evento é sempre em fevereiro, e como a gente estava na cidade justamente nessa época, achamos meio impossível visitar o parque. Até os hotéis estavam cheios de gente em volta, tietando os artistas, e ingresso mesmo que é bom, até tentamos, mas já estavam esgotados há tempos.

O festival atrai muita gente para Viña del Mar e fica tudo mais caro e concorrido.

 

Curiosidade: Viña del Mar surgiu no início do século XIX, mas se popularizou só em 1906, após um terremoto intenso que ocorreu em Valparaíso. A diferença entre as duas cidades é enorme: enquanto Viña é sofisticada e arrumadinha, Valpo tem um grande contraste social, mais diversidade, mais cores, mais caos.

 

Ainda há os castelos Brunet e Ross, outros museus, o Jardim Botânico, praias mais ao norte e outros lugares interessantes que deixamos para uma próxima visita a Viña del Mar.

 

Leia também: O que fazer em Valparaíso

 

Como chegar em Viña del Mar

 

De Santiago: tem ônibus de meia em meia hora saindo do Terminal Alameda ou Terminal Pajaritos e a viagem dura 1 hora e meia. Os preços variam de 3.200 a 7.000 pesos (R$16,00 a R$35,00), dependendo da viação e do dia da semana. A gente não entendeu a lógica dos preços promocionais deles, então vale a pena olhar em todas as empresas quando chegar no Terminal.

De Valparaíso: é super fácil pegar um ônibus de linha na rua do porto e de outros pontos da cidade. Custam 400 pesos (R$2,00), passam o tempo todo e param na frente de várias atrações em Viña. A viagem leva menos de meia hora e é muito mais prática do que com o metrô que liga as duas cidades.

De carro:  pela Ruta 68, que tem pedágios, mas é muito boa. Ela passa pelo Valle de Casablanca e pelo mercado de vinhos Rio Tinto.

Com agências de viagem: todas as agências de Santiago oferecem um passeio bate-e-volta de dia inteiro, combinando Viña de Mar e Valparaíso. Os preços giram em torno de 25.00 a 35.000 pesos (R$125,00 a R$175,00), com guia bilíngue e transfer. É indicado para quem quer só dá uma volta básica nas duas cidades, sem conhecer mais a fundo.

 

Como circular em Viña del Mar

 

A dica é: ônibus + Uber. Os ônibus são baratos e passam o tempo todo. Na orla das praias passam ônibus para as outras atrações, e os nomes vêm escrito nos ônibus. Se tiver dúvida, é só perguntar ao motorista, que também é o trocador. Tenha dinheiro trocado e não esqueça de pegar o bilhete de passagem – eles chamam de boleto.




 

Onde ficar em Viña del Mar

 

A cidade é bem turística e tem opções para todos os gostos. Para você ter ideia, em Viña del Mar tem hospedagens muito luxuosas, como o Sheraton Miramar Hotel & Convention Center. Há muitas opções na praia Reñaca e ela fica cerca de 5 quilômetros do centro, mas tem melhor infraestrutura e variedade de serviços, bares e restaurantes.

As opções no centro são mais em conta e por ali também há tudo que você precisa ao redor. Também há opções de frente para as outras praias, alguns hostels e B&Bs, apartamentos de temporada e várias opões no Airbnb.

>> Você ganhou  R$100 em créditos de viagem para usar no Airbnb. Resgate aqui

Consulte preços e veja fotos de todas as hospedagens em Viña del Mar abaixo.

Organize sua viagem
OFERTAS DE HOSPEDAGEM no mundo inteiro de maneira rápida e segura, com opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in na Booking.com
ALUGUEL DE CARRO em até 12x sem juros no cartão sem IOF ou com 5% de desconto no boleto. Compare preços das locadoras no Rentcars.com
COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM em até 12x ou com desconto no boleto. Compare preços de várias seguradoras no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto: VIDASEMPAREDES5
VOCÊ GANHOU R$130 em créditos de viagem para usar na primeira reserva no Airbnb
CHIP DE INTERNET com plano de dados para 140 países e conexão ilimitada. Garanta frete grátis com o cupom RBBVGRATIS e viaje conectado com a EasySim4U
INGRESSO antecipado para atrações e eventos no mundo inteiro com melhor preço, comodidade e segurança com a Get Your Guide
Ao reservar com nossos parceiros nos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga a mais por isso e ainda ajuda a gente a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3

O que ver e fazer em Viña del Mar, Chile
Data da viagem: fevereiro de 2018

por Camila Coubelle

As dicas te ajudaram?

 Pra não perder nenhuma informação ou roteiro, fale com a gente no FACEBOOK, INSTAGRAM, PINTEREST ou YOUTUBE

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

5 Comments

  1. Pingback:O que fazer em Valparaíso, a cidade-cor do Chile | vida sem paredes

  2. Pingback:Como é o city tour em Valparaíso, Chile | vida sem paredes

  3. Que delícia de cidade! Ótima opção pra um bate-volta a partir de Santiago pra conhecer um lugar completamente diferente e tão pertinho, né?

  4. Só fui pra lá no inverno e adorei as fotos do verão. Eu nem sabia das dunas por lá, que interessante!

  5. Eu adorei conhecer Viña del Mar, é muito muito fofa! Uma bela surpresa no Chile, adorei relembrar essa viagem com o seu post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *