• Pacotes para Trilha Inca Machupicchu e Trilha Salkantay

O que fazer em Santa Rita de Jacutinga, MG

 

 

Santa Rita de Jacutinga é uma cidadezinha cheia da hospitalidade do interior de Minas Gerais. Fica entre a Zona da Mata e o Sul de Minas, quase na divisa com o Rio de Janeiro. É conhecida como “cidade das cachoeiras” por conta de suas mais de 70 quedas, e atrai visitantes que desejam contato com a natureza.

Trilhas, cavalgadas, ecoturismo e esportes de aventura são os principais atrativos, mas o turismo histórico e cultural também é um convite a muitos visitantes, curiosos em conhecer as fazendas centenárias da região, principalmente a Fazenda Santa Clara, que foi a segunda maior do Brasil em número de escravos.

Perto de cidades como Juiz de Fora (MG) e Valença (RJ), está a cerca de 190 quilômetros do Rio de Janeiro e 340 quilômetros de Belo Horizonte.

Conheça as atrações e as cachoeiras, veja como chegar na cidade, descubra onde se hospedar, onde comer e tudo mais.

Santa Rita de Jacutinga - MG

Igreja Matriz vista da subida para a Igrejinha do Alto

Santa Rita de Jacutinga - MG

O morro da Igrejinha do Alto visto da Matriz

 

Cachoeiras de Santa Rita de Jacutinga

 

As quedas e poços são os principais atrativos e estão localizados no entorno da cidade, entre 3 e 20 quilômetros. Os acessos são por estrada de terra em condições razoáveis e a dica é anotar as que estão perto e conciliar a visita.

Uma das mais bonitas é o Boqueirão da Mira, o grande cartão-postal de Santa Rita, com um lindo cânion de quase 50 metros de altura. Perto está a Cachoeira do Meireles, que tem um ótimo poço. Ambas ficam no vilarejo de Cruzeiro, cerca de 15 quilômetros do centro.

Na estrada para Bom Jardim de Minas há 4 lugares com cachoeiras. A Vargem do Sobrado é a primeira. Poucos quilômetros depois está o complexo com Cachoeiras do Por Acaso, do Escorrega e do Batismo, sendo essa última a mais interessante.

Mais acima estão o Mirante e o acesso para Cachoeira do Pacau, belíssima, com 90 metros de queda.

Na entrada para Passa Vinte está o acesso para a Cachoeira das Andorinhas. E

Ainda há a Cachoeira do Sô Ito, muito frequentada por ficar a apenas 3 quilômetros do centro.

Cachoeira de Santa Clara, Cachoeira de Coronel Cardoso, do João Bento, do Quintal, Cachoeira do Barbosa e muitas outras aumentam a lista.

Muitas são ótimas para Boia Cross, Canoagem, Rafting e Rapel e vale a pena procurar os guias ou agências para essas atividades de turismo de aventura.

Santa Rita de Jacutinga - MG: Cachoeira do Batismo

Cachoeira do Batismo

Santa Rita de Jacutinga - MG: Boqueirão da Mira

Boqueirão da Mira

Santa Rita de Jacutinga - MG: Cachoeira Vargem do Sobrado

Cachoeira Vargem do Sobrado

 

Informe-se no Centro de Atendimento ao Turista (32 3291-1500) sobre outras cachoeiras. Fica na antiga Estação de Trem no centro da cidade e funciona em horário comercial, exceto às segundas.

 

No post abaixo você encontra mais detalhes de como chegar em cada cachoeira.

 

Leia mais: 10 cachoeiras em Santa Rita de Jacutinga

 

O que fazer em Santa Rita de Jacutinga: outras atrações

 

Igreja Matriz Santa Rita de Cássia

 

A construção de se destaca no centro da cidade e encanta por ilustrar muito bem o clima de interior, com seu coreto e pracinha típicos e as ruas de paralelepípedo. Todos os dias o sino soa suas badaladas na hora da Ave Maria.

Santa Rita de Jacutinga - MG: Igreja Matriz Santa Rita de Cássia

 

Igrejinha do Alto ou Capela de Nossa Senhora Aparecida

 

O Monte Calvário fica em um morro de 800 metros e conserva a bucólica igrejinha construída em 1912. Do alto temos uma bela vista panorâmica da cidade e a dica é ver o pôr do sol de lá.

O acesso fica em frente à Estação de Trem e a caminhada de 1 quilômetros é um pouco íngreme, mas com bancos em todo o trajeto.

Deixe o carro estacionado perto da Estação.

Santa Rita de Jacutinga - MG: Igrejinha do Alto

 

Fazenda Santa Clara

 

O local que já foi cenário para minisséries e novelas tem uma triste história, que pode ser conhecida de perto em uma visita guiada de cerca de 1 hora.

A construção do final do século XVIII conserva seus traços originais, casarão e senzala, e chegou a ser a segunda maior do Brasil em número de escravos, com 2.400.

São 12 salões, um para cada mês do ano, 52 quartos, um para cada semana do ano, e 365 janelas, uma para cada dia do ano. Mas algumas delas são pintadas, curiosamente, no local onde está localizada a senzala. Segundo o guia, para disfarçar.

A visita à Fazenda Santa Clara percorre cômodos, capela, a antiga senzala e a masmorra onde estão instrumentos de castigo e tortura.

O local tem estacionamento, uma pequena lanchonete e loja, e a visita é guiada. Basta chegar e aguardar a saída do próximo grupo.

  • Estrada Santa Rita – Rio Preto Km 20, Zona Rural | Tel: (24) 2442-5703
  • Taxa de visitação: R$ 15,00 (setembro de 2017)
  • Funcionamento: 8h às 17h

Santa Rita de Jacutinga - MG: Fazenda Santa Clara

 

Estação de Trem, Rua de Pedras, Túnel, Lago dos Anjos

 

Santa Rita de Jacutinga tem aquele ar bucólico do interior e essas são as atrações que remetem ao passado da cidade.

A antiga Estação de Tem funciona como loja de artesanato e Centro de Atendimento ao Turista, que disponibiliza mapa, contato de guias e informativos sobre a cidade. Ali está o guichê da viação Sertaneja, que serve a cidade, e banheiros gratuitos. O local é rodeado de bares e quiosques que ficam animados à noite.

Já a Rua de Pedras (Rua Conselheiro Felisberto da Cunha) chama a atenção pois ainda conserva o seu calçamento original com pedras largas. Fica no centro da cidade e dá acesso a igreja Matriz. Nela estão vários casarões antigos dos primórdios da cidade. Inclusive a Casa do Conselho onde funcionou a primeira tipografia de lá.

O Túnel e o Lago dos Anjos ficam próximos e são dois pontos a serem visitados no centro, em direção à Ponte de Ferro e ao Pórtico de entrada de Santa Rita de Jacutinga.

O Túnel construído entre 1916 e 1918 para a Estrada de Ferro da Central do Brasil é um importante ponto da cidade. Ao atravessá-lo, você vai perceber a água oriunda de minas que goteja sem parar.

O Lago dos Anjos funciona como um pesque-pague em pleno centro da cidade, mas seu entorno arborizado e tranquilo é um convite a apreciação.

Santa Rita de Jacutinga - MG

Túnel / Rua das Pedras

 

 

DICA

Todo primeiro domingo do mês o centro de Santa Rita de Jacutinga vira festa com a Feira da Roça. Tem música ao vivo, barraquinhas com artesanato, artigos típicos, frutas e legumes da agricultura familiar e claro, um delicioso pastel com caldo de cana.

 

Santa Rita de Jacutinga - MG: Feira da Roça

 

Onde comer

 

Santa Rita tem ótimas opções para provar da tradicional comida mineira. O Restaurante do Duque perto da Fazenda Santa Clara é uma delas. O local tem petiscos e almoço e a dica é conciliar com a visita à fazenda.

O Restaurante Ponto de Encontro, bem no centro, tem uma comida típica no fogão à lenha e um espaço agradável para sentar nos fundos. O Restaurante Central e o Café & Bistrô SRJ possuem self-service.

À noite o Hotel Jacutinga vira restaurante e os visitantes podem saborear refeições completas, caldos e ainda experimentar a cerveja Rio Preto, produzida na região.

Ambas no centro, a Amore Pizza tem uma pizza deliciosa e a Padaria Jacutinga tem bastante variedade.

O Restaurante da Dona Teresa fica na estrada de terra para a Fazenda Santa Clara ou para o vilarejo Cruzeiro, mas bem perto da cidade.

À noite, a dica é circular perto da Estação, nos trailers e bares.



Contatos Úteis

 

Anote os contatos de guias e agências que oferecem vários passeios na cidade com segurança, incluindo City Tours, trilhas, caminhadas, mountain bike, cavalgada, Boia Cross, Canoagem, Rafting e rapel.

  • Guia Gil Cunha: (32) 98466-5897
  • Guia Glayson – Serras de Aventura: (32) 98452-0937
  • Guia Eduardo Iasbeck: (32) 98458-4431
  • Guia para Off-Road (quadriciclo, moto e jeep): (32) 98425-3376
  • Central de Passeios – Ilha Parque de Aventuras: (32) 3291-1110

 

Onde se hospedar em Santa Rita de Jacutinga

 

A cidade tem hotéis e pousadas no centro e nos arredores, com opções que variam da rusticidade à sofisticação, com conforto e hospitalidade.

Também há um hostel e algumas cachoeiras dispõem de área de camping.

Nós ficamos na Pousada Jacutinga, perfeita para quem quer ficar em um lugar sossegado e cercado de montanhas. A pousada tem ótimo custo-benefício e um café da manhã cheio de delícias.

Confira mais informações sobre a Pousada Jacutinga aqui e reserve com opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in.

Ao reservar com um de nossos parceiros através dos nossos links citados acima, recebemos uma pequena comissão. Você garante os melhores serviços e preços, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a continuar compartilhando dicas de viagem. Muito obrigada e boa viagem! <3

 

Como chegar em Santa Rita de Jacutinga

 

Quem vem de carro do Rio de Janeiro tem duas opções seguindo pela Rodovia Presidente Dutra. Passando por Volta Redonda, em um total de 165 quilômetros em estrada asfaltada, ou passando por Barra do Piraí, Ipiabas e Conservatória em um total de 173 quilômetros em estrada asfaltada.

Quem vem de São Paulo também usa a Rodovia Presidente Dutra até Volta Redonda e segue pelo bairro do Aterrado e outros, em um total de 386 quilômetros.

Quem vem de Belo Horizonte pode seguir pela BR-040 até antes de Juiz de Fora, e pegar a BR-267 passando por Lima Duarte e entrando em Bom Jardim de Minas, onde está o acesso para MG-457 para Santa Rita, em um total de 342 quilômetros de estrada asfaltada.

 

Precisa alugar um carro? Compare os preços das principais locadoras, pague em reais sem IOF e parcele em até 12x sem juros no cartão ou garanta 5% de desconto no boleto à vista no Rentcars.com

 

De ônibus o acesso exige baldeação e o destino deve ser Bom Jardim de Minas, de onde a viação Sertaneja oferece um horário por dia (45 min. de viagem).

 

Melhor época

 

Para visitar as cachoeiras, o verão é a melhor época, mas é preciso ficar atento às chuvas. Os períodos de transição de estações, como maio e agosto são perfeitos: quase não chove e também não faz muito frio.

Lembre-se da feira de domingo, e saiba que a cidade também é um destino procurado durante o Carnaval.

 


 

Organize sua viagem aqui no vida sem paredes

Reserve sua hospedagem em Santa Rita de Jacutinga ou em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opções de cancelamento gratuito e pagamento no check-in através da Booking.com

Faça uma cotação de seguro viagem, compare os preços de várias seguradoras e pague em até 12x ou com desconto no boleto bancário no Seguros Promo. Use nosso cupom de desconto e viaje tranquilo: VIDASEMPAREDES5

 


Santa Rita de Jacutinga – MG: cerca de 5 mil habitantes | cerca de 440 metros de altitude
Data da viagem: setembro de 2017

por Camila Coubelle

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *