Conhecendo as praias de Trindade (RJ)

 

Algum dia você já conheceu um lugar do qual não queria mais sair? Eu já. E esse lugar se chama Trindade. É engraçado, porque nunca pensei que gostaria de morar em um lugar pequeninho, mas depois de passar pela vila de Trindade comecei a pensar em alternativas pra, um dia, viver em paz, do lado da natureza e livre das amarras que a gente mesmo cria nesse caos de cidade grande.
Trindade é um dos cartões-postais de Paraty, cidade do sul fluminense localizada na Costa Verde. A vila fica a 25 Km do trevo do município e está situada na Área de Proteção Ambiental do Cairuçu. Não conseguimos conhecer todos os pontos turísticos desse lugar incrível, mas os destinos que escolhemos não poderiam ser melhores: Praia do Cepinho, do Meio, do Rancho, Praia do Caixa D’aço, Piscina Natural do Caixa D’aço, Praia do Sono e Praia dos Antigos.

Dá o play na trilha desse lugar:

 

Como chegar em Trindade

 

De carro: Partindo de São Paulo, siga pela via Dutra até São José dos Campos e desça a serra da Rodovia dos Tamoios, ao chegar em Caraguatatuba, siga pela Rio-Santos em direção ao Norte. Outra opção é continuar pela Dutra até Guaratinguetá e descer a sinuosa serra de Cunha (recentemente restaurada com bloquetes), que exige muito dos freios, mas vale a pena pelo visual e pelo ar puro.
Do Rio de Janeiro, o caminho é pela rodovia BR – 101 (Rio-Santos).

Saindo de Paraty, basta pegar a estrada rumo a Santos ou Ubatuba. A estrada é asfaltada e bem sinalizada. Depois de alguns minutos, começa o trecho de serra também com boa estrada e com placas. Somente chegando em Trindade é que a estrada fica um pouco danificada. Isso porque a estrada fica “dentro” de uma das praias da cidade.

De ônibus: Para quem vem de outras regiões, a melhor opção é pegar um ônibus da Viação Costa Verde no Rio de Janeiro ou da Viação Reunidas em São Paulo.
Saindo de Juiz de Fora – MG, é possível fazer conexões de ônibus Angra dos Reis x Paraty x Trindade, pegando o coletivo no terminal rodoviário da cidade. A tarifa para Trindade é de R$ 3,90 (Abril de 2017) e demora cerca de 45 minutos para chegar.

 

Chegando em Trindade

 

Conheça as praias de Trindade saiba como chegar

 

Praia Brava

 

A praia fica no caminho para Trindade. Do lado esquerdo da pista há um pequeno estacionamento, onde se deve deixar o carro e descer por uma trilha de cerca de 15 minutos. Como o próprio nome sugere, a praia é brava e de ondas fortes. É possível encontrar muitos praticantes de naturismo (nudismo) por lá, exatamente porque a visitação à praia é bem menos movimentada e menos comercial.

 

Praia do Cepilho

 

Antes de chegar à vila, somos recepcionados pela linda praia do Cepilho. Há estacionamento e um quiosque na beira da areia. Segundo os moradores, ali é uma praia de tombo, ou seja, logo ao entrar no mar existe um buraco bem fundo. É bom tomar cuidado. Apesar de linda, a praia não é indicada para crianças e idosos.

 

Praia do Cepilho, Trindade, Paraty - RJ

 

Praia do Rancho

 

Essa praia fica bem perto do ponto de ônibus para quem chega na vila. Dá para acessá-la tanto pelo estacionamento (R$ 20,00 a diária – abril de 2017), quanto pela estradinha bem ao lado. A praia é cheia de quiosques e barzinhos com música ao vivo. Com poucas ondas, é ideal para a prática de stand up paddle e também para levar a família, já que a faixa de areia é estreita e dá para soltar as crianças.

 

Praia do Rancho, Trindade, Paraty - RJ

 

Praia do Meio

 

O ônibus nos deixa na entrada da trilha para a Praia do Meio, também chamada de Praia dos Codós, que fica dentro da vila (pra quem vai de carro é possível usar o mesmo estacionamento da praia do Rancho). A trilha, na verdade, nem poderia ser considerada assim: é só um caminho leve para entrar na praia. O lugar é uma pequena baía de águas calmas e de azul bem clarinho. Não existe nenhum bar ou quiosque por ali. Geralmente as famílias levam comidas e bebidas em coolers e passam o dia todo na praia.

 

DICA: Lembre-se sempre não deixar o lixo na praia. Leve sacolas plásticas e jogue o lixo no lugar certo.

 

Praia do Meio, Trindade, Paraty - RJ

 

Praia e Piscina Natural do Caixa D’aço

 

No finalzinho da praia do Meio está a entrada para a trilha que leva ao Caixa D’aço. Seguimos pela trilha, uma subida forte, mas não muito extensa, e caímos na praia. Linda! Areia clara e água muito gelada. Tome cuidado, pois a correnteza pode ser forte em alguns trechos.
Seguindo pela praia, fomos até a Piscina Natural do Caixa D’aço. A trilha que leva até lá é super tranquila, gastando cerca de 10 minutos, ou nem isso. A piscina é um presente da natureza, cercada por imensas rochas vulcânicas. Entre as rochas é possível nadar tranquilamente. O visual dentro da água é de arrepiar. Se você gosta de mergulhar, leve um snorkel e se divirta com os peixinhos dali.

 

Entrada da trilha para a Praia do Caixa D'aço - Trindade

Entrada da trilha para a Praia do Caixa D’aço

Embarcações na Praia do Sono - Trindade

Embarcações na Praia do Caixa D’aço

Piscina natural do Caixa D'aço - Trindade

Piscina natural do Caixa D’aço

Praia do Caixa D'aço - Trindade

Praia do Caixa D’aço

 

Praia do Sono

 

Saindo de ônibus de Paraty é preciso pegar a linha 1040, que sai direto da rodoviária rumo ao condomínio Laranjeiras, onde começa trilha e onde é possível pegar embarcações para a Praia do Sono. Se for de carro, basta entrar a esquerda no finalzinho da serra.
A trilha para a praia do Sono fica a alguns metros depois da entrada do condomínio, na Vila do Oratório. Gastamos 45 minutos para percorrer a estrada com 2,5 Km de extensão, sem grandes dificuldades.
A chegada é um carinho para os olhos. Lá de cima, antes dos últimos metros de trilha já dá pra ver a praia. Um lugar perfeito para um registro fotográfico. Também belíssima, também de um azul indescritível e o melhor, isolada. Por lá vivem 60 famílias caiçaras, que se sustentam do turismo sazonal e da pesca.
A praia nos reserva momentos inesquecíveis junto a mata atlântica preservada da Reserva Ecológica da Juatinga, uma unidade de conservação de proteção integral do estado do Rio de Janeiro e que abriga importantes ecossistemas da Mata Atlântica.

 

Entrada da trilha para a Praia do Sono - Trindade

Entrada da trilha para a Praia do Sono

Início da trilha para a Praia do Sono - Trindade

Início da trilha para a Praia do Sono

Chegada à Praia do Sono - Trindade

Chegada à Praia do Sono

A foto clichê na entrada da praia - Trindade

A foto clichê na entrada da praia

 

Praia de Antigos

 

Como nós gostamos muito de andar, fomos dar um pulinho na praia vizinha, a de Antigos. Assim como Antiguinhos, a outra praia que não deu tempo de visitar, Antigos é deserta e selvagem. O acesso é feito por uma trilha íngreme, mas super possível de se fazer.

 

DICA: É possível voltar para o condomínio Laranjeiras de barco. Pagamos R$ 25,00 cada (Abril de 2015). De lá precisamos pegar uma Kombi, que nos leva pra fora do condomínio de luxo (por ser uma propriedade particular, não podemos atravessá-lo a pé).

 

Subida para a Praia de Antigos - Trindade

Subida para a Praia de Antigos

Praia de Antigos - Trindade

Praia de Antigos

 

Onde ficar

 

Nós nos hospedamos em Paraty, mas quem preferir passar a temporada em Trindade vai encontrar uma infinidade de hostels, pousadas e campings.
Quem quiser ficar na praia do Sono também pode. É só levar a barraca e se hospedar em um dos 17 campings disponíveis. Além disso, é possível comer bem em alguns dos restaurantes e quiosques do local.

>> Veja as opções de hospedagem em Trindade e reserve na Booking.com através desse link. (Ao reservar através de nossos links você ajuda o blog vida sem paredes a continuar compartilhando dicas de viagem sem pagar a mais por isso. Obrigada!)

 
>> Se precisar alugar um carro para visitar a vila de Trindade, escolha o ponto de partida e compare os preços de todas as locadoras através desse link.

 
>> Faça uma cotação do seu seguro viagem através desse link e aproveite com tranquilidade. Use nosso CUPOM DE DESCONTO EXCLUSIVO e ganhe 5% de desconto no seu seguro.

Cupom: VIDASEMPAREDES5


 

Telefones Úteis:

  • Telefone Comunitário da Praia do Sono: (24) 3373-1904
  • Informações turísticas: (24) 3371-1897 | 3371-1222
  • Associação Cairuçu: (24) 3371-4881

 
Distâncias até Trindade:

530 km de Belo Horizonte – MG
600 km de Curitiba – PR
30 km de Paraty – RJ
230 km do Rio de Janeiro – RJ
300 km de São Paulo – SP

 
Trindade – RJ: 110V
Quando: abril de 2015 / abril de 2017

por Nange Sá

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

6 Comments

  1. Trindade lugar maravilhoso, um dia vou mora lar!

  2. Gostaria muito de morar nessa cidade pra eu abrir uma barbearia aí daria resultado ou não?

    • Oi Rafaela! Infelizmente eu só fui mesmo para passear e não saberia te dizer se a barbearia daria certo ou não…. Só sei dizer que o lugar é lindo de morrer! Boa sorte! abraços!
      Camila

  3. Pingback:Paraty: o caminho tortuoso do ouro e as belezas naturais I VIDA SEM PAREDES

  4. Pingback:4 lugares para curtir o Réveillon | vida sem paredes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *