6 motivos para ir ao Festival JF Sabor em Juiz de Fora

 

Comer já é tudo de bom. Comer no JF Sabor nos faz ficar procurando um adjetivo que consiga definir esse momento de saborear pratos cuidadosamente elaborados e exclusivos para o festival, que é um dos maiores de Juiz de Fora e região.

Se o cartão de visitas de um lugar é sua cozinha, Minas Gerais vai muito além, pela variedade na gastronomia. Em cada canto há um fogão de lenha, uma panela de pedra ou uma horta de temperos, mas muito mais que isso, há abundância de sabores e muita criatividade envolvida. Em Juiz de Fora, a maior cidade da Zona da Mata e uma das maiores de Minas Gerais, o Festival JF Sabor atrai amantes e entusiastas da gastronomia em um evento que é realizado há 16 anos pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) Zona da Mata, mostrando que os sabores e o prazer em comer bem não têm limites.

Fomos conferir o evento e listamos alguns motivos que fizeram valer a pena.

vida-sem-paredes-jf-sabor-2

Cordeiro Libanês, do Néctar Bistrô – Foto: Gal Oliveira

vida-sem-paredes-jf-sabor-3

Picanha Marvada, do Picanha, Pimenta e Pinga – Foto: Gal Oliveira

 

6 motivos para ir ao Festival JF Sabor em Juiz de Fora

 

#1 É UM DOS MAIORES DA REGIÃO

O festival JF Sabor acontece há 16 anos e é tradicionalmente o maior evento do tipo realizado em Juiz de Fora, além de ser um dos principais da região. A cada edição, a competição atrai um grande número de pessoas e tem diversos pratos experimentados e aprovados pelos amantes da gastronomia. Em 2015 foram mais de 50 mil pessoas participantes durante todo o período do evento.

#2 TEM PRATOS EXCLUSIVOS

O JF Sabor elege um tema diferente a cada ano e os pratos são elaborados especialmente para o evento. Como a proposta é homenagear, resgatar antigas receitas através de releituras ou valorizar cozinhas de algumas culturas, o festival é uma excelente oportunidade de experimentar pratos diferentes ou típicos de uma região ou cozinha. O evento já homenageou a cozinha mineira e as culturas que influenciaram a culinária de Juiz de Fora, e esse ano tem tema livre, incentivando a criatividade dos chefs das casas participantes.

#3 TEM MUITA OPÇÃO!

Como o festival de gastronomia é voltado para a rede de associados da Abrasel, a cada edição são dezenas de casas participantes. É a chance de aproveitar uma ampla lista de receitas e, inclusive, votar na preferida, já que o festival tem caráter competitivo. São cinco categorias diferentes – pratos, petiscos, lanches e sanduíches, pizzas e massas, e sobremesas, proporcionando uma experiência gastronômica completa para quem exige variedade.

vida-sem-paredes-jf-sabor-5

Salada Mediterrânea, do Bar do Português – Foto: Gal Oliveira

vida-sem-paredes-jf-sabor-6

Anjares, do Sartoni – Foto: Gal Oliveira

#4 TEM CHEFS RENOMADOS

Juiz de Fora pode ser chamada de ‘capital gastronômica’ da Zona da Mata, pelo número de restaurantes e bares renomados e tradicionais, tanto para quem procura algo despojado, quando para quem quer o melhor da alta gastronomia. A cidade tem chefs especializados e que se prepararam em apreciadas cozinhas dentro e fora do país, agregando ao JF Sabor toda a expertise em oferecer o que há de melhor à mesa.

#5 TEM DURAÇÃO SUFICIENTE

O festival tem duração de cerca de um mês, ampliando as possibilidades de quem quer experimentar vários pratos ou para quem tem a agenda movimentada e precisa se planejar bem para apreciar o evento. Essa edição do JF Sabor 2016 começou em setembro e vai até 16 de outubro, por exemplo. Corre que ainda dá tempo!

#6 TEM EVENTOS PARALELOS

O JF Sabor não é só para comer! Palestras, cozinhas show e workshops incrementam o festival para quem se interessa por culinária. A cada edição, o evento organiza essas atividades paralelas e abertas ao público que quer levar um pouquinho dos sabores para “a vida”.

vida-sem-paredes-jf-sabor-4

Camarão Imperial, da Estação Grill – Foto: Gal Oliveira

vida-sem-paredes-jf-sabor-1

Veg das Arábias, do Pluri Bistrô – Foto: Gal Oliveira

vida-sem-paredes-jf-sabor-9

no Pluri Bistrô

Festival JF Sabor

O evento acontece anualmente e a cada edição, a dica é conferir as receitas e a casas participantes no site do evento: jfsabor.com.br


Dicas para quem vai visitar Juiz de Fora:

 

1. Juiz de Fora está às margens da BR-040 e da BR-267 e tem diversas linhas de ônibus intermunicipais e interestaduais ligando o município à diversas localidades.

2. Quem chega a Juiz de Fora de avião desembarca no Aeroporto Regional da Zona da Mata, em Goianá – MG, e está a cerca de 40 quilômetros do centro da cidade. Existe uma linha de ônibus e táxis exclusivos dentro do aeroporto que fazem o traslado até Juiz de Fora. Mas se você prefere um carro para andar com mais autonomia pela cidade, pode comparar os preços de aluguel de automóveis em todas as locadoras da região nesse link.

3. Juiz de Fora tem uma ampla rede hoteleira, com muitas opções de hospedagem tanto no centro quanto nos bairros e até nas imediações da cidade. Acesse: Onde se hospedar em Juiz de Fora e encontre sua opção preferida.

4. A cidade respira cultural e dá para conciliar o Festival JF Sabor com museus, shows, casas noturnas ou passeios ao ar livre. E por falar nisso, nós organizamos uma lista ótimas opções. Confira: 5 programas legais e gratuitos em Juiz de Fora


Juiz de Fora – MG

Por Camila Coubelle

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.
Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *