Cruzília: a cidade dos queijos deliciosos

 

Não é preciso ser mineiro para amar queijos. Mas é em Cruzília, sul de Minas Gerais, que se encontram os melhores sabores.

Encruzilhada… Terra da Cruz… Cruzília. O nome diferente faz confusão na cabeça de quem não conhece a cidadezinha de 15 mil habitantes no sul de Minas. A origem do nome vem da encruzilhada que ligava os caminhos velhos da Estrada Real.

A pequena cidade é aconchegante e abriga três importantes tradições: é a terra berço dos cavalos Mangalarga e Mangalarga Marchador; possui fazendas centenárias da época do ouro, e é famosa pela produção de queijos, considerados os melhores do país. Faz parte do Caminho Velho da Estrada Real e integra o circuito turístico das Montanhas Mágicas da Mantiqueira. Cruzília está a cerca de 65 quilômetros de São Lourenço e a 40 de Caxambu.

Queijos Cruzília - Sul de Minas

 

Pra viajar nessa terra de sabores, nada melhor do que uma trilha sonora. Dê o play e curta com a gente.

 

Os queijos de Cruzília:

 

A produção dos queijos finos em Cruzília começou há 50 anos e já levou a fábrica do município à liderança do Ranking Nacional dos Melhores Queijos do Brasil em 2009, e novamente em 2010. Lá são produzidos diversos tipos de queijos, que se dividem em sete principais grupos: queijos de massa filada, de massa cozida, de massa semi-cozida, de massa crua, queijos de mofo branco, de mofo azul e queijos condimentados.

A cidade no alto da Serra da Mantiqueira tem um terroir perfeito para produzir queijos finos. Por isso, foi escolhida pelo fundador do laticínio, o Sr. José Moreira de Almeida. Hoje, são diversos queijos com sabores especiais. Gouda, Brie, Fondue, Prato Esférico, Estepe, Gruyère, Emmental, Camembert…. todos fazem sucesso, mas o Gorgonzola Azul de Minas é sem igual!

 

O queijo “A Lenda”

 

Um dos principais queijos produzidos pelo Laticínios Cruzília é chamado de “A lenda”. Tanto o nome, quanto o processo de produção têm uma origem curiosa.

Tudo começou quando trabalhadores encontraram um cofre na fábrica antiga. Ao abrirem, encontraram uma receita, datada há pelo menos 80 anos, e um pote de fermento. Depois de três anos estudando a fórmula, o queijo começou a ser produzido e, esse ano, ganhou o concurso Nacional de Produtos Lácteos, no quesito Destaque Especial.

Mas o que “a lenda” tem a ver com essa história? É que todos na cidade acreditam que, durante o processo de maturação do queijo – que dura 120 dias – antigos trabalhadores da fábrica voltam “do além” pra matar a saudade do trabalho e ajudam na valorização do sabor da massa.

Depois de maturado, o queijo “feito a quatro mãos” recebe uma tinta preta comestível, o que deixa o seu visual ainda mais intrigante. Tudo pronto!

Vida sem Paredes - queijos Cruzília

Queijo “A Lenda” – vencedor concurso Nacional de Produtos Lácteos 2015, no quesito Destaque Especial.

Queijos Cruzília - Sul de Minas: A Lenda
 

Conheça outros atrativos da cidade: O que fazer em Cruzília

 

O queijo “Santo Casamenteiro”

 

Um dos Queijos Cruzília acaba de fazer bonito no concurso Mondial du Fromage 2017, no Salão do Queijo na cidade de Tours às margens dos rios Loire e Cher na França (atualizado em junho de 2017). O evento internacional realizado em junho teve participação de cerca de 700 produtos de 20 países, e 11 queijos mineiros foram premiados. O queijo Santo Casamenteiro conquistou a medalha de prata. O queijo azul com nozes e damascos tem receita secreta aprimorada em Cruzília e já era conhecido como uma iguaria de textura e sabor inigualáveis. Agora, com a premiação que o insere no rol dos melhores queijos do mundo, fica praticamente impossível não experimentar.

Queijos Cruzília - Sul de Minas: Santo Casamenteiro

Queijos Cruzília (MG) - o premiado Santo Casamenteiro



Onde encontrar os queijos Cruzília:

 

“A lenda” então segue para a loja da fábrica, que fica em Cruzília mesmo. Por enquanto, o queijo “A lenda” só pode ser vendido nessa loja, mas a empresa deve entrar com um pedido no Ministério da Agricultura para que o produto seja comercializado em todo o país.

Na loja Empório Cruzília, localizada na BR-383, é possível encontrar todos os queijos produzidos pelo laticínio (muitos deles já são vendidos em supermercados espalhados pelo Brasil), além de lembrancinhas da cidade, artesanato, doces de leite, goiabadas, geleias, vinhos, cafés especiais e cervejas artesanais. Quem gosta de produtos diferenciados não pode deixar de visitar a loja quando passar pela Terra da Cruz.

Além disso, é possível encontrar os Queijos Cruzília no Mercado Municipal de São Paulo.

 

Queijos Finos de Cruzília

Empório Cruzília: queijos finos, cachaças, geleias, cafés especiais etc

 

Qual queijo você gostaria de experimentar em uma visita à Cruzília? Conta aí!

 

Saiba mais sobre os queijos de Cruzília no Youtube, em matéria feita pela EPTV, e na página do Laticínio.

 

Onde se hospedar em Cruzília:

 

Cruzília tem algumas opções de hospedagens pequenas, no melhor clima de interior. Confira as opções e reserve na Booking.com através desse link. (Ao reservar através de nossos links você ajuda o blog vida sem paredes a continuar compartilhando dicas de viagem sem pagar a mais por isso. Obrigada!)

 

Como chegar:

 

Quem vem de carro de Belo Horizonte, pode pegar a BR-381 sentido São Paulo. Após a entrada de Três Corações, vire à esquerda na BR-267 passando por Campanha, entradas para Cambuquira, Conceição do Rio Verde, Caxambu e Baependi. Vire à esquerda na BR-383, percorrendo 10 km até Cruzília.

Do Rio de Janeiro, o caminho é pela BR-116 sentido São Paulo até Itatiaia. Virar à direita na BR-354 em direção a Itamonte, passando por Santana do Capivari, Pouso Alto e entrada para São Lourenço. Virar à direita até Baependi, à direita na BR-267 e à esquerda na BR-383.

De São Paulo, vá pela BR-381 sentido Belo Horizonte, passando pela entrada de São Gonçalo do Sapucaí. Vire à direita na BR-267, passando por Campanha, Cambuquira e Caxambu, e entre à esquerda na BR-383, percorrendo 10 km até Cruzília.

>> Se precisar alugar um carro para visitar Cruzília, escolha o ponto de partida e compare os preços de todas as locadoras através desse link.

De ônibus, quem vem do Rio de Janeiro ou Belo horizonte, deve ir para São Lourenço ou Caxambu. Use a viação Sampaio a partir do Rio de Janeiro, a viação Gardênia a partir de Belo Horizonte. De São Lourenço ou Caxambu, há vários horários por dia até Cruzília pela viação Coutinho (35) 3346-1680.

Quem sai de São Paulo pode ir pela viação Cometa diretamente para Cruzília. A partir de Juiz de Fora, vá pela viação Santa Cruz até Caxambu, ou peça para descer no trevo de Cruzília.

 


>> Confira como é o Museu do Cavalo Mangalarga Marchador em Cruzília.

>> Você ganhou R$100 em créditos de viagem para usar no Airbnb. Resgate aqui.

>> Faça uma cotação do seu seguro viagem através desse link e aproveite com tranquilidade. Use nosso CUPOM DE DESCONTO EXCLUSIVO e ganhe 5% de desconto no seu seguro.

Cupom: VIDASEMPAREDES5


Distâncias até Cruzília:

323 km de Belo Horizonte – MG
203 km de Juiz de Fora – MG
294 km do Rio de Janeiro – RJ
329 km de São Paulo – SP
Cruzília – MG: cerca de 18 mil habitantes | cerca de 1.010 m de altitude

por Nange Sá

Sobre Vida sem Paredes

Um blog sobre descobertas e viagens, ou vice-versa.

Adicionar a favoritos link permanente.

6 Comments

  1. Pingback:O que fazer em Baependi | Vida sem Paredes

  2. Pingback:Visitando o Parque das Águas em São Lourenço | Vida sem Paredes

  3. Pingback:8 iguarias tradicionais da culinária mineira | vida sem paredes

  4. Pingback:O que há de melhor para se fazer em Caxambu | vida sem paredes

  5. Sérgio Figueiredo

    Estou indo do para Cruzília dia 03/06/17. Final da semana que vem.
    Já conheço algumas das maravilhas daí, pois sou cliente do Empório Cruzília no Mercadão de São Paulo.
    Gostaria de visitar o laticínio.
    É possível?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *